Notícias Naturais

Alívio Natural para a Azia

6 de outubro de 2019
Receitas para Secar em 30 dias

Você não precisa tomar inibidores da bomba de prótons ou outros antiácidos para lidar com os sintomas dolorosos da azia. Existem maneiras naturais de aliviar essa sensação de queimação sem recorrer a medicamentos potencialmente prejudiciais.

Desacelere e fique atento ao quanto você come

A perda de peso saudável melhora a saúde geral de várias maneiras. Em particular, reduz drasticamente a frequência de refluxo ácido e azia.

O excesso de massa de uma pessoa com sobrepeso pressiona o estômago. Um peso maior se traduz em uma pressão mais significativa, resultando em maiores chances de passar ácido pelo esôfago. Por outro lado, a redução de peso diminui o estresse no estômago, reduzindo assim o risco de azia.

A alimentação consciente é uma excelente maneira de realizar a perda de peso. É a prática de comer mais devagar e parar quando o estômago sinaliza que está cheio.

Além de ajudar você a perder peso, a alimentação consciente gerencia a quantidade de alimentos e líquidos dentro do estômago. Ao garantir que seu estômago evite ficar totalmente cheio, a prática de comer reduz a chance de o conteúdo transbordar e voltar a subir.

Evite alimentos que relaxam os músculos, impedindo que os alimentos escapem do estômago

Ao contrário da crença popular, comer alimentos picantes nem sempre resulta em azia. Sim, a acidez desses alimentos pode irritar o revestimento do estômago, mas o maior culpado é o alimento que causa mau funcionamento no esfíncter inferior do esôfago.

O esfíncter é o anel dos músculos que separa o esôfago do estômago. Ele mantém os alimentos dentro do estômago, assim como sua contraparte superior garante que os alimentos no caminho não voltem a subir.

Certos alimentos podem relaxar os músculos do esfíncter inferior do esôfago. Quando o esfíncter se abre, o conteúdo encharcado de ácido do estômago pode viajar pelo esôfago, causando a sensação de queimação associada à azia.

Álcool, cafeína e hortelã-pimenta são alguns dos alimentos conhecidos por relaxar o esfíncter inferior do esôfago e aumentar o risco de azia. O tabagismo atinge o mesmo efeito.

Levante-se, masque um chiclete após as refeições e use roupas largas

Depois de terminar uma refeição, resista ao desejo de tirar uma soneca. Deitar depois de comer muita comida provavelmente provocará azia.

Como mencionado anteriormente, a perda de peso evita a azia, diminuindo a pressão exercida pelo peso no esôfago e no estômago. Ficar na vertical consegue um efeito semelhante. O mesmo acontece com roupas folgadas.

Roupas apertadas são semelhantes a excesso de peso: apenas pressionam mais o estômago“, explicou  a pesquisadora da Western University, Dra. Brenna Velker. “Se você tem um balão e está apertando o meio dele, pode imaginar que, se o balão estiver aberto no topo, as coisas dispararão para o topo“.

Em 2014, pesquisadores da  Universidade de Pisa descobriram que mascar chiclete por 30 minutos depois de terminar uma refeição poderia reduzir os sintomas de azia. A ação da mastigação aumentou a secreção salivar e os movimentos da deglutição que mantiveram os alimentos baixos e reduziram a irritação.

Há alguma evidência de que a goma de mascar pode ajudar, pois desencadeia mais deglutição – mais produção de saliva – para enxaguar o que está acontecendo no estômago“, explicou Velker.

Leia mais:

Suco de Limão e Bicarbonato de Sódio: Um Ótimo Combo para a Saúde

Medicamentos para Azia Podem Aumentar o Risco de Doença Renal em 20% – Estudo

Fontes:
– Natural News: Natural relief for heartburn
– HealthLine: 5 Ways to Ease Heartburn Pain Without Taking Pills
– World Journal of Gastrintestinal Pharmacology and Theapeutics: Esophageal motility abnormalities in gastroesophageal reflux disease

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site