Notícias Naturais

Os nutracêuticos têm sido o foco de estudos científicos e objeto de debate. Eles são frequentemente considerados mais alimentos do que remédios. Por outro lado, essas substâncias naturais têm propriedades nutricionais e medicinais que podem ajudar na prevenção e tratamento de várias doenças. Pesquisadores do Sant Longowal Institute of Engineering and Technology, na Índia, acreditam que a adição de nutracêuticos aos produtos alimentícios pode levar ao desenvolvimento de alimentos funcionais seguros que podem promover a saúde em geral; portanto, eles isolaram substâncias conhecidas por serem benéficas para a saúde humana das lavouras e testaram sua segurança como potenciais aditivos alimentares. Em seu estudo publicado no Journal of Food Processing and Preservation, eles caracterizaram os nutracêuticos extraídos da farinha de cevada, linhaça e óleo de farelo de arroz para mostrar que esses componentes são seguros para uso como ingredientes nutracêuticos.

Os nutracêuticos das culturas não são contaminados por pesticidas ou bactérias

Para o estudo, os pesquisadores usaram farinha de cevada, linhaça e óleo de farelo de arroz como fontes. Eles isolaram a fibra beta-glucana de uma variedade de cevada sem casca, um concentrado de lignana da semente de linhaça e um concentrado de gama-orizanol a partir do óleo de farelo de arroz. Esses nutracêuticos podem oferecer enormes benefícios à saúde. Por exemplo, a fibra solúvel beta-glucana ajuda a  melhorar os níveis de colesterol no sangue e a apoiar a saúde do coração. Enquanto isso, as lignanas da linhaça são convertidas por bactérias intestinais em produtos químicos que contribuem para a prevenção de cânceres relacionados ao hormônio, osteoporose e doenças cardiovasculares. O gama-orizanol do óleo de farelo de arroz é uma mistura de antioxidantes naturais e é conhecido por reduzir os níveis elevados de colesterol e aliviar os sintomas da menopausa e do envelhecimento.

Usando vários métodos analíticos, os pesquisadores relataram que a variedade de cevada sem casca escolhida continha grandes quantidades de beta-glucana, enquanto o concentrado de lignana da semente de linhaça tinha um alto teor de diglicosídeo secoisolariciresinol (SDG) e o concentrado gama orizanol possuía quatro componentes principais, ou seja, cicloartenilo (CAF), 24-metilenecicloartanilo (24-MCF), campesteril ferulados e B-sitosterol-ferulado.

De acordo com estudos, os metabólitos dos SDG podem proteger contra doenças cardíacas e síndrome metabólica, diminuindo os níveis de colesterol e glicose no sangue, diminuindo a pressão sanguínea e reduzindo o estresse oxidativo e a inflamação. Eles também podem reduzir o risco de câncer, impedindo a angiogênese e as metástases do câncer. Por outro lado, o CAF demonstrou  tratar a inflamação alérgica; sabe-se que o 24-MCF possui atividades anticâncer e redutoras de colesterol; o campesteril ferulado é tóxico para as células cancerígenas; o B-sitosterol-ferulado possui potente atividade antioxidante.

Os pesquisadores também confirmaram através de análises cromatográficas e espectrométricas que as matérias-primas não estavam contaminadas por nenhum pesticida e que, dos três isolados, o concentrado gama orizanol apresentava a menor contagem total de placas, contagem de leveduras e bolores e contagem de coliformes.

Com base em suas descobertas, os pesquisadores concluíram que esses  nutracêuticos são seguros para incorporar em produtos alimentares, a fim de desenvolver alimentos funcionais que possam promover a saúde geral.

Os benefícios do óleo de farelo de arroz, linhaça e cevada para a saúde

O óleo de farelo de arroz é um óleo vegetal extraído do germe e da casca dos grãos de arroz. Em termos de composição, o óleo de farelo de arroz é semelhante ao óleo de amendoim, que contém níveis seguros e equilibrados de diversos ácidos graxos. Por esse motivo, o óleo de farelo de arroz é considerado mais saudável do que outros óleos de cozinha. O óleo de farelo de arroz ajuda a diminuir o colesterol, melhora a saúde da pele, promove a perda de peso, previne certos tipos de câncer e protege a saúde do coração.

linhaça é rica em micronutrientes, como gorduras saudáveis, vitaminas e minerais, e é uma boa fonte de fibras alimentares que promovem a saúde intestinal. A linhaça é comercializada hoje na forma de sementes, óleo, cápsulas ou comprimidos e farinha. Sabe-se que a linhaça previne diabetes, colesterol alto, câncer, prisão de ventre e outros problemas de saúde.

A cevada (grão integral) é outra excelente fonte de fibra alimentar – tanto solúvel quanto insolúvel. A fibra alimentar mantém o intestino saudável, mantendo um equilíbrio entre bactérias intestinais boas e ruins. A cevada tem um baixo índice glicêmico, o que a torna eficaz no gerenciamento dos níveis de glicose no sangue. Consumir cevada também ajuda na constipação, hipertensão, artrite, problemas de pele, anemia, obesidade, asma, doenças cardíacas, problemas renais e diabetes.

Leia mais:

10 Razões Saudáveis para Adicionar Linhaça na sua Dieta

Linhaça: Um Alternativa à Terapia de Reposição Hormonal para Reduzir os Sintomas da Menopausa

Fontes:
Science News: Barley, flaxseed and rice bran: Why they’re good sources of nutraceuticals
Journal of Food Processing and Preservation: Nutraceuticals from barley flour, flaxseed and rice bran oil—Extraction, chromatographic analysis, microbiological analysis and pesticide estimation
– HealthLine: Beta Glucan: The Heart-Healthy Fiber
– British Journal of Nutrition: Health effects with consumption of the flax lignan secoisolariciresinol diglucoside
– Phytomedicine: Cycloartenyl ferulate, a component of rice bran oil-derived γ-oryzanol, attenuates mast cell degranulation
– Biochemical and Biophysical Research Communications: 24-Methylenecycloartanyl ferulate, a major compound of γ-oryzanol, promotes parvin-beta expression through an interaction with peroxisome proliferator-activated receptor-gamma 2 in human breast cancer cells
– UPM: Development of bio-health products from rice bran ferulates
– NIH: beta-Sitosteryl ferulate
– Medical News Today: How healthful is flaxseed?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site