Notícias Naturais

Muita gente acha que as guloseimas sem açúcar são uma maneira saudável de desfrutar de alimentos doces, comendo-os com despreocupação, porque a pessoas não acham que vão ganhar peso por causa das poucas calorias. Isso pode se revelar um erro muito caro, no entanto, como uma pesquisa que mostra que os adoçantes artificiais realmente levam as pessoas a engordar ainda mais.

Um relatório que foi publicado no Canadian Medical Association Journal revela a verdade amarga sobre os adoçantes artificiais. Depois de analisar 37 estudos envolvendo mais de 400.000 pessoas ao longo de uma década, eles determinaram que os adoçantes artificiais não ajudam as pessoas a perder peso. Na verdade, eles descobriram que aquelas que consomem uma ou mais bebidas adoçadas artificialmente por dia realmente têm um risco maior não apenas de ganho de peso, mas também de doenças cardíacas e diabetes.

A autora do estudo, Meghan Azad, professora de pediatria da Universidade de Manitoba, disse: “Eu acho que há uma suposição de que quando há zero calorias, não há danos“. Ela disse que esta pesquisa mostra que as calorias não são o único fator no ganho de peso.

Outros especialistas concordam, já que o corpo de pesquisa que mostra que os adoçantes não ajudam em nada, continua a crescer. Se eles causam ou não danos, é um tópico de muito debate considerando a quantidade de dinheiro que as empresas de alimentos ganham com esses produtos. Também é complicado pelo fato de que pessoas que consomem adoçantes artificiais também costumam comer mais alimentos processados ​​em geral, e isso também poderia estar contribuindo à obesidade – um fato que aqueles com uma participação financeira nos adoçantes gostam de apontar.

No entanto, tem havido muitos estudos que mostram claramente que os edulcorantes causam problemas de saúde. Por exemplo, eles interferem no microbioma intestinal, impedindo a absorção de nutrientes. Eles também fazem com que as pessoas anseiem por alimentos mais doces.

Então, há um efeito psicológico diferente que também está tornando as pessoas mais gordas: elas acham que, por não estarem consumindo calorias com a bebida, podem consumir muito em outro lugar. Uma pessoa que normalmente não comeria uma sobremesa se tomasse refrigerante com o jantar, pode pensar em pedir depois de tomar uma bebida dietética.

Mais evidências que os adoçantes causam ganho de peso

Um estudo publicado na revista Preventive Medicine com quase 80.000 mulheres descobriu que aquelas que usavam adoçante artificial tinham uma probabilidade significativamente maior de ganhar peso do que aquelas que evitavam a substância, enquanto um estudo publicado pela revista Appetite descobriu que comer alimentos que contêm sacarina e aspartame resultou em maior ganho de peso do que consumir açúcar, mesmo quando as pessoas estudadas tinham uma ingestão calórica geral semelhante.

Parte do problema é a maneira como seu corpo reage a esses adoçantes. Quando você come algo doce, seu cérebro normalmente libera dopamina. Além de fazer você se sentir bem, isso também faz com que um hormônio chamado leptina seja liberado, o que diz ao seu cérebro que você estará satisfeito assim que consumir calorias suficientes. Isso faz com que sua fome desapareça em circunstâncias normais.

Tudo isso muda quando você come algo doce que não tem calorias, no entanto, como no caso de adoçantes artificiais. A doçura ativará o caminho de prazer do seu cérebro como de costume, mas quando não há calorias suficientes para desligá-lo, seu corpo permanecerá com fome e desejará carboidratos.

A ciência é clara: se você está tentando perder peso, os adoçantes artificiais não são as ferramentas úteis que você pensa que são. Na verdade, eles provavelmente acabarão tendo o efeito oposto. Lentamente, reduza seu consumo de açúcar, e você ficará surpreso com a melhor comida depois de ter treinado novamente o seu paladar – e você poderá finalmente ver os quilos derreterem.

Leia mais:

CONFIRMADO: Aspartame Ligado a Cânceres no Sangue, de Acordo com um Estudo de 22 Anos de Harvard

Por que Você Deve Evitar o Aspartame a Todo Custo

Fontes:
Natural News: The sour truth about artificial sweeteners: Research proves they make you gain weight, not lose it
– Health: Artificial Sweeteners Are Linked to Weight Gain—Not Weight Loss
Canadian Medical Association Journal: Nonnutritive sweeteners and cardiometabolic health: a systematic review and meta-analysis of randomized controlled trials and prospective cohort studies
Preventive Medicine: Artificial sweetener use and one-year weight change among women.
– Appetite: Saccharin and aspartame, compared with sucrose, induce greater weight gain in adult Wistar rats, at similar total caloric intake levels

1 Comment

  • Sandra disse:

    Deveríamos, para o nosso bem e o bem do Planeta, deletarmos os “artifícios”da alimentação, preferindo os produtos in natura, adocicados na medida certa pela Mãe Natureza, porque uma manga chupada no pé, em nada se compara a um suco na garrafa ou latinha, cujas embalagens ainda ficarão boiando no oceano mesmo depois de termos cumprido nossa etapa de vida. Não vale a pena recorrer aos “artificiais” se os verdadeiros são mais saudáveis, menos poluentes e embalados na própria casca deles, reaproveitáveis pela terra para adubar os futuros frutos. Índios consomem o açúcar das frutas e vão muito bem obrigado de saúde, enquanto civilizados não se aproximarem deles para ensina-los a morrer mais cedo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site