Notícias Naturais
Receitas para Secar em 30 dias

A abobrinha é originária da América Central, mas agora pode ser encontrada em todo o mundo. Uma boa regra ao escolher a abobrinha é que quanto mais escura ela for, mais nutrientes ela contém.

A abobrinha tem muita fibra dietética e água, mas nada de gordura. Ela também contém altos níveis de vitamina B6, riboflavina, folato, vitamina C e vitamina K. Em termos de minerais, tem quantidades significativas de manganês e potássio.

Os fitonutrientes encontrados nas abobrinhas possuem propriedades antioxidantes e de combate à inflamação. A combinação de zero de gordura e o alto teor de nutrientes faz da abóbora um alimento denso em nutrientes.

Abobrinha melhora a digestão, retarda o envelhecimento e controla o açúcar no sangue

Comer abobrinha auxilia as funções saudáveis ​​do sistema digestivo. As quantidades elevadas de fibra alimentar, eletrólitos, água e outros nutrientes encontrados em cada abobrinha reduzem os riscos de constipação e outros distúrbios relacionados à digestão. O consumo regular de abobrinha também pode interromper o aparecimento de câncer de cólon, síndrome do intestino irritável (SII) e úlceras.

As atividades antioxidantes e anti-inflamatórias da abobrinha a tornam uma excelente opção para retardar o processo de envelhecimento. O corpo acumula danos inflamatórios, radicais livres e toxinas ao longo dos anos, levando ao envelhecimento. Os fitonutrientes da abobrinha podem eliminar essas substâncias tóxicas do corpo e manter a inflamação sob controle.

A abobrinha pode reduzir os níveis de açúcar no sangue. Ela possui muita fibra dietética que aumenta a saciedade e reduz a ingestão de carboidratos. As alterações nutricionais levam a níveis mais baixos de açúcar no sangue e maior sensibilidade à insulina.

Um impulsionador de energia que também melhora a saúde cardiovascular e promove uma visão saudável

A abobrinha tem muita fibra e potássio, enquanto não tem muita gordura e sódio. A combinação de nutrientes promove a circulação saudável do sangue. Uma mistura de baixo teor de sódio e alto teor de potássio ajuda a normalizar a pressão sanguínea, enquanto as fibras polissacarídicas presentes na abobrinha reduzem os níveis de colesterol.

Também é adequada para os olhos. A abobrinha possui luteína, zeaxantina e muitos outros fitonutrientes que sustentam e fortalecem a saúde dos olhos, neutralizando os radicais livres. A atividade antioxidante desses compostos reduz as chances de catarata, degeneração macular, glaucoma e outras condições oculares decorrentes do envelhecimento.

As vitaminas do complexo B encontradas na abobrinha são vitais para a produção de energia no corpo. Essas vitaminas auxiliam a metabolização de carboidratos e proteínas em energia útil. Consumir abobrinha pode aumentar a energia disponível para os processos corporais. Diminui os efeitos da fadiga e melhora o humor da pessoa.

Ajuda na perda de peso, auxilia a saúde da adrenal e da tiroide, combate a inflamação e melhora a cognição

A abobrinha é perfeita para pessoas que querem reduzir o peso corporal. Tem poucas calorias e muita fibra e água. Comer abobrinha faz as pessoas se sentirem satisfeitas, o que as faz comer menos alimentos. Reduzir o consumo de alimentos pode ajudar na perda de peso.

A casca da abobrinha contém muita vitamina C e polifenóis. Os compostos presentes nas cascas suportam as funções saudáveis ​​das glândulas supra-renais e da tiroide. Eles também ajudam a regular os níveis de insulina.

Além de vitamina A e vitamina C, a abobrinha tem altos níveis de glutationa peroxidase e superóxido dismutase. Esses antioxidantes naturais combatem a inflamação e a oxidação que podem levar a doenças como o câncer. Eles também apoiam o funcionamento adequado do sistema imunológico.

Finalmente, a abobrinha pode aumentar o desempenho do cérebro. O conteúdo de folato da abobrinha é vital para as funções cognitivas e pode ajudar a prevenir o aparecimento do Alzheimer.

Leia mais:

‘Macarrão’ de Palmito ou Abobrinha faz Sucesso e Emagrece

Dicas de Alimentos que Combatem a Retenção de Líquido

Fontes:
– Natural News: Eat more zucchini: 10 health benefits offered by this nutrient-rich vegetable
– Food Revolution Network: 9 Impressive Health Reasons to Eat More Zucchini — A Nutrient-Dense Food
– NCBI: Nutrients: Role of Zucchini and Its Distinctive Components in the Modulation of Degenerative Processes: Genotoxicity, Anti-Genotoxicity, Cytotoxicity and Apoptotic Effects

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site