Notícias Naturais
Receitas para Secar em 30 dias

A palavra “antibiótico” é uma combinação das palavras “anti”, que significa “contra” e “biótico”, que significa “vida”. Significa essencialmente que os antibióticos são “contra a vida”, pois são usados ​​para combater bactérias vivas que podem causar doenças prejudiciais. O problema é que, quando os antibióticos são usados ​​em demasia, isso pode resultar em superbactérias resistentes a antibióticos que podem contribuir para o crescente círculo de desafios médicos. Essa confiança excessiva nos antibióticos precisa ser diminuída, ou então iremos encarar a possibilidade de criar superbactérias mortais que tenham resistência aos antibióticos. Felizmente, a natureza tem suas próprias maneiras de nos ajudar a enfrentar esses desafios médicos feitos pelo homem.

O que é resistência a antibióticos?

A resistência a antibióticos é um fenômeno natural que ocorre quando um antibiótico perdeu sua capacidade de efetivamente matar ou controlar o crescimento de bactérias. Os antibióticos frequentemente matam as cepas de bactérias “suscetíveis”. No entanto, algumas cepas de bactérias são mais resistentes que outras. Através de mutações genéticas ou adquirindo resistência de outras bactérias, essas cepas “resistentes” sobrevivem e continuam a se multiplicar na presença do mesmo antibiótico que anteriormente não conseguiu matá-lo completamente. Simplificando, o antibiótico original não é mais tão eficaz no combate às bactérias resistentes. Isso muitas vezes leva a doses cada vez maiores de antibióticos mais fortes sendo prescritos para tratar a doença. Isso, por sua vez, cria um ciclo vicioso em que as bactérias se tornam imunes aos antibióticos, antibióticos mais fortes são prescritos e as bactérias se tornam imunes ou resistentes a eles também. Com cada nova iteração, as bactérias só ficam mais fortes com a exposição repetida aos antibióticos.

Os antibióticos são apenas um último recurso no tratamento da maioria das infecções e doenças bacterianas. Eles não servem para curar todas as pequenas infecções que surgem, incluindo doenças virais como o resfriado comum. Os antibióticos não funcionam contra vírus, mas muitas vezes ainda são prescritos para esse fim. É essa prescrição desnecessária de antibióticos que causou a disseminação do que o CDC chama de “pesadelo das bactérias”. Essa confiança excessiva nos antibióticos pode ser contida com o recurso a outras alternativas naturais aos antibióticos receitados.

Quais remédios naturais podem ser usados ​​como alternativas aos antibióticos?

Existem muitas alternativas naturais aos antibióticos que possuem propriedades antivirais, antibacterianas e até mesmo antifúngicas. Aqui estão alguns remédios naturais que você pode usar para ajudar a combater infecções bacterianas:

* Alho. O alho tem poderes preventivos e curativos. Pode ser usado como um tratamento eficaz contra muitas formas de bactérias, como a salmonela, a E. coli e a tuberculose.
* Cúrcuma. A curcumina é um ingrediente ativo encontrado na cúrcuma que possui propriedades anti-fúngicas e antivirais fortes. Também possui propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias que podem ajudar a reduzir a inflamação.
* Óleo essencial de tea tree. As bactérias são frequentemente protegidas por uma camada fina de biofilme que as bactérias utilizam para tornar-se resistentes aos antibióticos. O óleo essencial de tea tree possui a capacidade de ajudar a reduzir ou dissolver este biofilme. Isso permite que o óleo essencial ajude a destruir as bactérias resistentes. O óleo essencial de tea tree pode até mesmo ser usado em conjunto com antibióticos para permitir que as bactérias continuem a ser mais receptivas aos efeitos dos antibióticos.
* Mel de Manuka. Desde os tempos antigos, o mel tem sido usado como um remédio natural para tratar feridas e tirar infecções devido a suas propriedades antibacterianas potentes. O mel de Manuka é único entre os outros tipos de mel, devido à sua  maior concentração de metilglioxal (MGO). O mel de Manuka também pode ajudar a inibir cerca de 60 tipos diferentes de bactérias. Além disso, pode impulsionar o sistema imunológico do seu corpo e atacar infecções bacterianas que formam um biofilme.

Leia mais:

Pesquisas Indicam que a Cúrcuma Pode Ajudar a Mitigar o Crescimento da Superbactéria MRSA

Bactérias Resistentes a Antibióticos em Ascensão: O que Você Pode Fazer Agora para Manter-se Saudável?

Fontes:
Natural News: How to survive the wave of antibiotic resistant superbugs unleashed by modern medicine
– Backdoor Survival: Preparing for “Nightmare Bacteria”: Do We Need Alternatives to Common Antibiotic Treatments?
– APUA: General Background: About Antibiotic Resistance
– Medical News Today: Top seven safe, effective natural antibiotics
– Health Line: Everything You Should Know About Manuka Honey

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site