Notícias Naturais
Receitas para Secar em 30 dias

As pessoas que comem em excesso devem controlar seus hábitos alimentares neste ano novo, alerta um estudo. Pesquisadores da Escola de Medicina da Universidade de Tulane  descobriram que a azia frequente em adultos mais velhos aumenta o risco de câncer de garganta, amígdalas e seio nasal. No estudo, a existência de azia aumentou a probabilidade de desenvolver as doenças em pelo menos três por cento.

A doença do refluxo gastroesofágico (DRGE), que causa azia ou refluxo ácido, ocorre quando os ácidos estomacais atingem o esôfago. Sabe-se que isso afeta 10% a 30% da população, particularmente os idosos e os obesos. Além disso, a medicação para o refluxo ácido aumenta ainda mais o seu risco, já que estudos demonstraram que tomar comprimidos regularmente pode “dobrar suas chances” de desenvolver tumores de estômago.

Com os resultados, a equipe de pesquisa sugere que adultos idosos com a condição sejam examinados para câncer de cabeça e pescoço. Segundo os autores, a DRGE está relacionada ao “desenvolvimento de malignidade” no trato digestivo superior. Isso abre a possibilidade de detecção e intervenção precoces. Vale ressaltar que os cânceres encontrados no sistema respiratório e nos tratos digestivos superiores atingem 360.000 vidas por ano.

Enquanto a maioria das pessoas experimentou refluxo ácido em algum momento, é classificada como uma forma leve de DRGE se ocorrer uma vez a cada duas semanas pelo menos, ou moderada a grave se acontecer pelo menos uma vez por semana.

O grupo estudou dados de 13.805 pacientes com 66 anos de idade ou mais com câncer do sistema respiratório ou do trato digestivo superior, e os comparou com um grupo controle de 13.805 pacientes sem câncer. Eles descobriram uma ligação entre a DRGE e câncer na laringe (caixa de voz)

Isso intuitivamente faz sentido devido à proximidade com o esôfago e a mucosa prontamente exposta que reveste a laringe, resultando em lesão tecidual relacionada ao refluxo, inflamação da mucosa e laringite crônica“, segundo a equipe.

Os resultados apontaram que a DRGE estava relacionada ao câncer da garganta, amígdalas e partes do seio nasal.

Fatos rápidos sobre a DRGE

A maioria dos casos de DRGE pode ser modificada com mudanças no estilo de vida. Ainda assim, esteja atento aos sintomas usuais da condição:

* Uma sensação de queimação no peito (azia) que pode ser pior à noite
* Dor no peito
* Dificuldade em engolir
* Regurgitação de comida (às vezes um líquido azedo)
* Sensação de um nó na garganta

O refluxo ácido pode ser horrível se acontecer à noite, pois os sinais adicionais incluem:

* Tosse crônica
* Laringite
* Asma (um novo caso ou piora)
* Interrupção do sono

Procure imediatamente um médico se a DRGE for acompanhada por dor torácica intensa, falta de ar e dor no braço ou na mandíbula – pois isso também pode ser um sinal de ataque cardíaco. Além disso, procure atendimento médico se tiver sintomas severos e frequentes de DRGE.

A probabilidade de desenvolver DRGE é aumentada para pessoas obesas ou com condições médicas, como hérnia de hiato (inchaço do ponto mais alto do estômago) e desordem do tecido conjuntivo. A DRGE também pode aparecer durante a gravidez ou quando o estômago tem atrasado do esvaziamento gástrico.

Fatores como tabagismo; comer grandes refeições ou comer tarde da noite; consumir alimentos gordurosos e fritos; e beber certos medicamentos, aumenta a probabilidade de agravar a DRGE.

Leia mais:

Azia é um Sintoma – e os Medicamentos não são a Solução: Remédios para Azia DOBRAM seu Risco de Câncer de Estômago

Remédios Caseiros para Azia

Fontes:
– Natural News: Acid reflux linked with an increased chance of deadly disease such as cancer
Daily Mail: Acid reflux raises the risk of cancer of the throat, tonsils and sinuses in older people, study finds
– Jama Network: Acid Reflux Associated with Head and Neck Cancers in Older Adults
– Mayo Clinic: Gastroesophageal reflux disease (GERD)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site