Notícias Naturais

Os produtos farmacêuticos estão fazendo você ficar doente? A pesquisa mostra que os medicamentos vendidos sem receita podem esgotar seu corpo de magnésio, levando a uma deficiência perigosa e potencialmente à doença. Até mesmo a FDA foi forçada a admitir que os inibidores da bomba de prótons – medicamentos populares usados para tratar o excesso de ácido no estômago – são uma ameaça à saúde humana, especialmente quando usados ​​por longos períodos de tempo.

Tomar inibidores da bomba de prótons, ou IBP, regularmente pode levar à deficiência de magnésio e, em última análise, a qualquer número de doenças relacionadas aos baixos níveis de magnésio. Os IBPs não são os únicos medicamentos que podem afetar negativamente o estado nutricional; existem muitos medicamentos populares que podem eliminar de seu corpo nutrientes essenciais como cálcio e vitamina B. Essa informação, é claro, quase nunca é compartilhada com os pacientes. E onde houver deficiência de nutrientes, haverá problemas de saúde.

Não é de admirar que muitos americanos estejam usando vários medicamentos prescritos.

Medicamentos de venda livre comuns causam deficiência de nutrientes

Os IBPs estão prontamente disponíveis nos balcões das farmácias como opções para pessoas que procuram tratar o refluxo ácido ou doença do refluxo gastroesofágico (DRGE). Como o site Healthline explica, os IBPs funcionam prevenindo ou diminuindo a quantidade de ácido que seu estômago produz. Isso deve ajudar a prevenir a azia e dar tempo ao seu corpo para se curar.

Enquanto a medicina convencional considera os IBPs como “seguros”, a FDA emitiu um comunicado de segurança pública em 2011, após o uso de IBP estar ligado à deficiência de magnésio – o que pode causar efeitos devastadores à saúde. Estes incluem batimentos cardíacos irregulares, convulsões, espasmos musculares e outras consequências a longo prazo. A única maneira de resolver a deficiência de magnésio relacionada ao IBP é interromper a medicação.

Como as fontes observam, a FDA afirma que os IBPs são seguros desde que sejam tomados “conforme as instruções ”. Mas, conforme relatado pelo Healthline, os IBPs vendidos sem receita destinam-se a tratamentos de apenas duas semanas, e vêm em doses mais baixas do que a prescrição.

Vinte por cento dos adultos entrevistados admitem não seguir as instruções dos rótulos dos medicamentos vendidos sem receita. “Seguro” é um termo relativo.

A deficiência de magnésio causada pelo IBP pode ser fatal, mas a maioria das pessoas pode nunca saber que é deficiente. Como todas as coisas, existem diferentes níveis de deficiência. Uma vida inteira de baixo teor de magnésio pode causar muitos problemas de saúde que nunca são diretamente atribuídos ao estado nutricional.

Como o Dr. Mark Sircus explica, a deficiência de magnésio é um problema mundial. Mesmo aumentos moderados na ingestão de magnésio podem reduzir bastante o risco de ataques cardíacos e derrames em populações vulneráveis. Estudos também mostraram que a baixa ingestão de magnésio pode ter efeitos negativos na saúde mental, função hormonal e níveis de açúcar no sangue.

Leia também: [Estudo] Medicamentos para Azia como o Omeprazol, Ligados ao Risco de Morte Súbita

Medicamentos farmacêuticos esgotam seu corpo

O magnésio não é o único nutriente que os IBPs podem lhe roubar. Como informa o Harvard Health Letter, os IBPs também podem interferir na capacidade do organismo de absorver a vitamina B12. A vitamina B12 é necessária para manter células nervosas saudáveis ​​e produzir glóbulos vermelhos, RNA e DNA. Também ajuda o corpo a converter açúcar em energia, usar ferro de forma melhor e muito mais. Os IBPs também podem causar baixos níveis de cálcio. O cálcio é essencial para a saúde dos ossos e também desempenha muitos papéis importantes no corpo.

Os IBPs não são a única medicação que pode esgotar seu corpo de nutrientes vitais. Os corticosteroides também podem causar deficiências em magnésio, cálcio e B12.

O popular medicamento metformina é associado a baixos níveis de folato (outra vitamina B) e B12. As estatinas também interferem na produção da enzima CoQ10, que é essencial para células saudáveis.

Muitos medicamentos comuns podem esgotar seu corpo de nutrientes vitais. Isso, por sua vez, pode levar a uma série de sintomas – mas, em muitos casos, os efeitos e as fontes de deficiência nutricional nunca estão ligados à sua causa real. Os produtos farmacêuticos podem causar “depleção de nutrientes induzida por medicamentos” por meio de vários mecanismos, mas as deficiências podem passar despercebidas por longos períodos de tempo. E infelizmente, a medicina moderna parece ter jogado a boa nutrição pela janela.

Leia mais:

[Estudo] Inibidores da Bomba de Prótons Associados ao Aumento do Risco de Depressão

[Estudo] Remédios Como Omeprazol Dobram Risco de Câncer

Fontes:
– Natural News: Pharmaceuticals deplete your body of magnesium, increasing your risk of disease
– GreenMedInfo: Pharmaceuticals Drive Magnesium Levels Lower
– Harvard Health Publishing: Are your medications causing nutrient deficiency?

1 Comment

  • Sandra disse:

    Bora reaprender com nossos antepassados as poções “mágicas” com que eles curavam suas mazelas, utilizando ervas do quintal, preparando chás, unguentos e bálsamos para bebês, adultos e animais. Progresso é ótimo, sempre que não atropela a sabedoria de quem chegou primeiro, aprendeu antes e por isso sabia muito mais, mesmo quando não estudara para escrever nem seu próprio nome.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site