Notícias Naturais

Câncer de pâncreas: é um assassino silencioso que agora ceifa a vida de 55.000 pessoas todos os anos. Mas um novo estudo sugere que o magnésio, um mineral simples e barato, pode ser muito eficaz para ajudar a eliminá-lo sem a necessidade de quimioterapia ou radiação.

As últimas estatísticas da Organização Mundial da Saúde (OMS) revelam que pelo menos 60% dos adultos americanos são deficientes em magnésio, o que sabemos que suporta centenas de ações biológicas importantes dentro do corpo. E essa deficiência generalizada, a pesquisa mostra agora, está diretamente associada a um aumento do risco de câncer no pâncreas, além de uma série de outras doenças.

Um estudo recente publicado no British Journal of Cancer analisou mais de perto a relação entre o  magnésio e o câncer de pâncreas. Os cientistas avaliaram mais de 66.000 participantes entre as idades de 50 e 76, dos quais 151 desenvolveram câncer de pâncreas durante o curso do estudo.

Depois de realizar uma análise comparativa dos níveis de magnésio entre os participantes, a equipe de pesquisa descobriu que, para cada 100 miligramas (mg) de redução na ingestão diária de magnésio, o risco de câncer de pancreático de um paciente aumentou 24%. Além disso, se a ingestão diária de magnésio de um participante caísse abaixo de 75% da dose diária recomendada pelo governo, seu risco de câncer de pâncreas aumentaria em 76%.

O magnésio ajuda a equilibrar os níveis de açúcar no sangue, reduzindo ainda mais o risco de câncer no pâncreas

O Institute of Medicine (IOM) recomenda que os homens adultos consumam pelo menos 420 mg de magnésio por dia, e mulheres adultas consumam pelo menos 320 mg de magnésio por dia. Este é o mínimo para manter os níveis de magnésio suficientemente altos no corpo para minimizar o risco de outras condições de saúde evitáveis, como a diabetes.

Outros estudos descobriram que a suplementação com magnésio ajuda a equilibrar os níveis de açúcar no sangue, minimizando o risco de resistência à insulina. Quando o corpo é incapaz de transformar efetivamente a glicose em combustível devido à resistência à insulina, o risco de câncer no pâncreas aumenta dramaticamente.

Isso explicaria por que aproximadamente 80% de todas as pessoas com câncer pancreático também têm diabetes ou alguma outra forma de intolerância à glicose, como pré-diabetes. Indivíduos diagnosticados com diabetes têm até 700% de aumento no risco de desenvolver câncer de pâncreas dentro de três anos.

Pesquisas relacionadas publicadas na revista Diabetes Care descobriram que, entre os 5.000 participantes avaliados, aqueles com os níveis mais altos de ingestão diária de magnésio eram 47% menos propensos a desenvolver diabetes. Isso reitera ainda mais o poder do magnésio para ajudar a controlar os níveis de açúcar no sangue e, assim, minimizar o risco de câncer pancreático.

Deficiência de magnésio ligada a muitas doenças degenerativas

A falta de magnésio está ainda associada a muitas outras condições de saúde, especialmente em pessoas idosas. Estudos associaram a deficiência de magnésio à degeneração macular relacionada à idade, perda óssea (osteoporose), insônia e síndrome das pernas inquietas, entre outros.

Uma metanálise de 2016 de 40 ensaios clínicos diferentes descobriu que mais magnésio ajuda a reduzir o risco de acidente vascular cerebral, insuficiência cardíaca e, como já dissemos, diabetes tipo 2. Adicionar mais 100 mg de magnésio para a rotina diária demonstrou ajudar a reduzir o risco de insuficiência cardíaca em 22 por cento, bem como reduzir o risco de morrer por qualquer causa em 10 por cento.

O magnésio é necessário para mais de 300 diferentes processos metabólicos no corpo humano, incluindo a contração dos músculos, a transmissão de impulsos nervosos, a construção de ossos e a síntese de DNA e proteínas”, explica o site científico Natural Health 365.

Outras tarefas facilitadas pelo magnésio incluem metabolizar a insulina, regular a pressão sanguínea e produzir ATP – a molécula de ‘energia’“.

Leia mais:

Sinais Incomuns de Deficiência de Magnésio – E Como Tratá-los

Magnésio: O Elixir Anti-Ansiedade

Fontes:
Natural News: Being deficient in magnesium increases your risk of pancreatic cancer by 76%
– Natural Health 365: Magnesium deficiency linked to a 76 percent higher risk of developing pancreatic cancer
– Natural News: 5 Warning Signs of Magnesium Deficiency

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe