Notícias Naturais

A graviola pode ser uma fruta tropical de aparência estranha, mas você sabia que ela é um superalimento poderoso que pode combater o câncer?

Pesquisadores do Instituto Tepic de Tecnologia (ITT), no estado de Nayrit, no México, foram os primeiros a examinar os efeitos da graviola nas células tumorais cancerígenas. Eles descobriram que a fruta contém acetogeninas, que são substâncias que combatem o câncer. Desde então, os pesquisadores do ITT e pesquisadores de todo o mundo descobriram excelentes resultados em relação às acetogeninas presentes na graviola.

De acordo com um relatório de 2016 publicado na revista Pharmaceutica Analytica Acta, os pesquisadores do ITT descobriram propriedades quimioterápicas na graviola, o que pode ser atribuído à presença de acetogeninas e outros antioxidantes presentes na fruta. Mais especificamente, eles descobriram que as acetogeninas da graviola são capazes de encapsular células tumorais cancerígenas.

Em um relatório publicado em 2017 na revista Annals, da Academia de Ciências de Nova York, pesquisadores da China, Itália e Macau investigaram sete variedades diferentes da espécie Annona (Annonaceae), que incluía graviola. No estudo, a equipe de pesquisa descobriu que todas as sete variedades das espécies Annona são fontes de potenciais agentes antitumorais. A equipe escreveu em seu relatório que as acetogeninas encontradas nas espécies de Annona são “uma das classes mais promissoras de produtos naturais” devido ao seu potencial antitumoral.

Outro projeto de pesquisa conjunta da França e de Portugal também confirmou as potenciais capacidades de combate ao câncer dos fitonutrientes da acetogenina. No estudo, os pesquisadores examinaram os fitonutrientes contidos em Laurencia obtusa, um vegetal do mar que é encontrado em águas temperadas de oceano tropical em todo o mundo, geralmente bastante perto da costa. Com base em suas descobertas, 23 diferentes compostos potenciais no vegetal marinho, incluindo acetogeninas, podem ter um efeito sobre as células cancerígenas. Em particular, o estudo analisou o efeito destes fitonutrientes nas linhas celulares de leucemia humana.

Além disso, pesquisadores da Universidade do Mississippi  encontraram resultados semelhantes quando avaliaram as acetogeninas presentes na graviola e sua prima mais próxima, a pata da pata. Eles também descobriram que uma das maneiras pelas quais esses antioxidantes naturais reduzem e inibem a disseminação de tumores cancerígenos é impedindo a secreção do fator de crescimento endotelial vascular (VEGF) e suprimindo o crescimento de células cancerígenas anaeróbias.

Outros benefícios da graviola para a saúde 

Além de suas propriedades anticancerígenas, sabe-se que a graviola possui propriedades antivirais e de alívio da dor. Também tem sido usada como suplemento dietético para o tratamento de muitas condições em áreas tropicais da América Central e do Sul. A seguir estão alguns dos potenciais benefícios da graviola para a saúde:

* A graviola contém propriedades antioxidantes – descobriu-se que o extrato de Graviola contém vários compostos com propriedades antioxidantes, incluindo taninos, saponinas, fitosteróis, flavonoides e antraquinonas.
* A graviola contém propriedades anti-inflamatórias – um estudo em animais descobriu que a graviola possui propriedades anti-inflamatórias que podem aliviar a dor, apoiando o uso de graviola na medicina popular como um remédio para a dor e condições inflamatórias.
* A graviola pode melhorar o controle da glicose – pesquisas em ratos diabéticos sugerem que a graviola pode ajudar a diminuir o açúcar no sangue de pessoas diabéticas, uma vez que reduziu significativamente os níveis de açúcar no sangue dos animais.
* A graviola pode ajudar a controlar a pressão arterial – na medicina popular, a graviola é frequentemente usada para reduzir a pressão arterial. Em um estudo de 2012 em ratos, foi revelado que graviola ajuda a baixar a pressão arterial sem aumentar a frequência cardíaca.
* A graviola pode prevenir úlceras – a graviola exibiu atividades antiúlcera em um estudo de 2014 em ratos. Ela protegeu o revestimento mucoso do estômago e evitou os danos dos radicais livres no trato gastrointestinal.

Leia mais:

A Ciência Moderna Prova que a Curcumina é a Maneira Mais Eficaz de Prevenir o Câncer

Limões Contêm 22 Compostos Anti-Câncer e Reduzem o Risco de Câncer em 50 por Cento

Fontes:
– Natural News: The strange-looking tropical fruit graviola is a POWERFUL superfood against cancer
– Natural Health 365: Sauna bathing LOWERS the risk of heart disease, according to scientific research
– Medical News Today: What is graviola and how is it used?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe