Notícias Naturais

Ela era uma atleta e dançarina saudável de escola secundária e com um futuro brilhante pela frente. Mas depois de ter sido vacinada com a Gardasil, já que era exigida por sua escola como parte de seu programa de vacinação “obrigatório”, a vida da jovem Nicole El-Safty mudou para sempre.

Segundo os relatórios, El-Safty sofreu efeitos colaterais extremos, não muito tempo depois de ter tomado a vacina Gardasil, o que acabou por forçá-la a abandonar a dança, bem como praticamente todos os seus hobbies.

 Nicole El-Safty antes de receber a vacina Gardasil

Nos meses subsequentes depois de receber a polêmica vacina, El-Safty diz que ficou totalmente imobilizada por causa disso. Pelo menos duas outras jovens britânicas de sua idade também fizeram relatos semelhantes como resultado da vacina Gardasil.

Eu fui de completamente apta e saudável em todos os sentidos para totalmente imóvel e incapaz de mover“, disse El-Safty à mídia. “Foi um dia em que vi uma manchete na TV sobre os efeitos do vírus HPV que o alarme soou“.

Eu tive todos os sintomas, incluindo problemas cardíacos, úlceras graves e paralisia. Então descobri que a infertilidade também era provável. Embora legalmente, meu clínico geral não conseguiu confirmar que minhas suspeitas eram corretas, muitos médicos me confirmaram. Uma vacina padrão me desabilitou para sempre“.

Leia também: Ex-Cientista da Merck Admite que a Vacina contra o HPV é uma Grande Fraude

Gardasil pode ter prejudicado ou matado dezenas de milhares de pessoas, mostram dados

El-Safty não ficou apenas paralisada devido a Gardasil, mas também continua a sofrer ataques extremos de dor severa e debilitante. Ela foi e voltou para o médico tentando encontrar respostas, mas não recebeu nenhuma informação. Um médico acabou por diagnosticá-la com artrite psoriática, uma doença inflamatória auto-imune em que o sistema imunológico do corpo ataca as articulações e pele saudáveis.

Lidar com isso tornou impossível para El-Safty fazer muito além de simplesmente descansar na cama na maioria das vezes. À medida que a condição piorava, El-Safty viu o lado esquerdo de seu rosto cair “drasticamente”, e a dor se espalhou por seu braço esquerdo e costas.

Parecia que meu rosto tinha sofrido um derrame”, lembra. “Foi terrível“.

Enquanto seus dias eram preenchidos com até 18 horas de prática de dança, de repente ela passou a ter dores 24 horas, além de uma cadeira de rodas. El-Safty desenvolveu desde então problemas severos gastrointestinais, hérnias, úlceras na boca e perda de memória – tudo isso apareceu após o diagnóstico inicial de artrite.

El-Safty mais tarde descobriria que adolescentes jovens, alguns dos quais são meninos, sofreram graves reações à vacina Gardasil.

Leia também: Comitê do Governo Declara que as Vacinas contra o HPV Nunca Devem ser Administradas em Meninos Adolescentes

Por mais irritante que tudo isso fosse para ela descobrir, El-Safty expressou o compromisso de alertar os outros sobre os perigos da Gardasil para que eles evitassem sofrer um destino semelhante. El-Safty está muito envolvida em sua comunidade local e sente a necessidade de espalhar a verdade sobre a vacina.

Ainda mantenho meu trabalho na política local e estudo lei, mas meu principal objetivo é alertar as outras garotas sobre a vacina“, diz ela. “Ela é perigosa e terrível“.

A posição oficial do governo nos países ocidentais que a adotaram insiste que a Gardasil (e a outra vacina contra o HPV, Cervarix) é completamente segura e não representa qualquer ameaça para a saúde humana. Mas os dados compilados pelo grupo SaneVax, Inc. contam uma história muito diferente, revelando mais de 55.000 casos de doença induzida pela vacina contra o HPV.

Até mesmo as autoridades de saúde britânicas admitem que receberam mais de 4.000 “condenações”, ou avisos sobre os efeitos colaterais adversos da Gardasil, apenas entre os anos de 2010 e 2013. Além disso, cerca de 12.000 reações adversas à Gardasil foram relatadas à The European Medicines Agency a partir de fevereiro de 2017.

Leia mais:

Vacina contra o HPV: O que ela Pode Causar

Estudo Descobre que Adolescentes Estão Recebendo Doses Desnecessárias da Vacina contra o HPV que Nada Fazem para Prevenir as Verrugas Genitais

Fontes:
– Vaccines News: Another HPV vaccine victim: 17-year-old dancer left paralyzed after getting the jab
– Daily Mail: Student, 17, claims she was left PARALYSED after being given the controversial HPV jab which is offered to all teenage girls
– Natural News: Gardasil boys come marching in – 4 new Gardasil deaths reported to VAERS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe