Notícias Naturais

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) admitem mais uma vez que a vacina contra a gripe do ano passado falhou em proteger os mais vulneráveis ​​entre nós. As internações relacionadas à gripe só aumentaram no inverno de 2016 para adultos de 65 anos ou mais. O CDC relata que a vacina contra a gripe do ano passado foi aproximadamente 42 por cento efetiva em geral para prevenir o tipo de doença grave que leva a consultas médicas e hospitalizações. Pior ainda, o CDC confessou que a vacina do ano passado era essencialmente ineficaz para o grupo de pessoas mais atingidas pela gripe – as de 65 anos e as mais velhas. O inverno foi dominado pela estirpe de gripe tipo A H3N2, que parece causar doenças mais graves e mortes do que outras cepas da gripe. Embora a vacina tenha sido bem comparada com as cepas de gripe no ano passado, foi uma falha total.

O primeiro erro que o estabelecimento médico faz é assumir que é a vacina contra a gripe impede as pessoas de irem ao médico ou ao hospital. As autoridades de saúde nunca investigam exatamente o que mantém as pessoas saudáveis, quais são seus hábitos e porque algumas pessoas se previnem e superam inúmeras doenças todos os anos (sem aumento de vacina). Mesmo a baixa “eficácia” de 42 por cento da vacina contra a gripe é um exagero de prevenção, uma deflexão do que realmente importa quando se trata de imunidade. Este número em si é um pressuposto equivocado de que a vacina contra a gripe é a razão pela qual as pessoas não estão vendo médicos em primeiro lugar.

O segundo erro que o estabelecimento médico faz é acreditar que a ciência da vacina irá de alguma forma erradicar o terreno microbiano da natureza. Os micróbios, os vírus e os fungos fazem parte do mundo natural. Os profissionais médicos devem ensinar os indivíduos a se adaptarem melhor a este ambiente em vez de fingir que eles podem, de algum modo, erradicar isso da existência. O aumento da vacina, assim como os antibióticos, apenas excitam a mutação de agentes patogênicos. Observe que, em termos médicos modernos, os nomes das doenças mudam, mas os sintomas das doenças são semelhantes, no entanto, dependendo de onde a infecção reside. Nada é erradicado; a doença só é exacerbada por nossas tentativas de controle.

Fortaleça o terreno do corpo humano, melhore as condições celulares e não tema. Os micro-organismos fora do corpo não são a principal causa de infecção, conforme proposto pela teoria dos germes de Louis Pasteur. A deterioração do corpo hospedeiro e a supressão de ambientes celulares atraem as doenças, e é essa a principal causa de doença.

Um terceiro erro que o estabelecimento médico faz é, de alguma forma, pensar que uma injeção de mercúrio aumentará de alguma forma a imunidade de um corpo e fortalecerá seu terreno. O mercúrio, medido em 51 ppm na vacina contra a gripe, é uma toxina violenta que enfraquece o terreno de uma pessoa. Confiar em vacinas sujas e tóxicas só irá continuar a degradação do corpo humano e aumentar as condições de doença no mundo.

Fortaleça o terreno e o ambiente celular para melhorar a imunidade

O que realmente ajuda durante a estação do frio e da gripe é manter a boa saúde através de suplementos naturais e uma dieta orgânica, todos os ingredientes naturais. Pessoas saudáveis ​​sabem como prevenir ou superar as doenças graves diretamente em suas próprias casas.

Aqui estão apenas alguns exemplos de ingredientes naturais que você pode manter estocados em sua casa para estar melhor preparado para a defesa da doença:

–  A prata coloidal é um antibiótico palatável que não excita a resistência microbiana.

–  O mel de Manuka é um incrível antimicrobiano de espectro completo que ajuda o corpo durante qualquer infecção.

– Adaptogênicos como a baga esquisandra, ginseng siberiano e raiz de astragalus aumentam a resposta imune humoral quando o corpo está sob ataque.

Chlorella e Spirulina você encontra na Tudo Saudável!

– As algas densas em nutrientes, como a spirulina e a chlorella, reabastecem as células com a nutrição que precisam para superar qualquer invasão.

– Especiarias como a cúrcuma e o gengibre ajudam a reduzir a inflamação, diminuindo o muco, e permitindo uma recuperação mais rápida.

– A erva matricária ajuda a eliminar a febre, permitindo que o corpo responda mais adequadamente contra os patógenos invasores.

–  A erva goldenseal e o sabugueiro contêm fortes compostos anti-virais.

– A erva mullein e a raiz de marshmallow ajudam a acalmar as mucosas, auxiliando a resposta natural do corpo.

São as vitaminas, os minerais, os antioxidantes e as gorduras saudáveis ​​que trabalham em conjunto para estabelecer um ambiente celular que está criando ciclos de energia eficientes para a imunidade verdadeira, não as vacinas prejudiciais e ineficazes.

Leia mais:

Estudo Pró-Vacina Mostra que a Vacina contra a Gripe mal Funciona em Pessoas com Mais de 50 Anos

Aumentam as Mortes de Idosos por Gripe, Portanto, Qual é a Eficácia da Vacina?

Fontes:
Natural News: Flu Vaccine virtually worthless in people 65 years and older last winter: Here’s what you can do instead
– AP News: Flu vaccine ineffective for people 65 and older last winter
– Natural News: Colloidal Silver is an Antibacterial, Antifungal and Antiviral Miracle
– Natural News: Health benefits of taking spirulina daily
– Natural News: Astragalus “super herb” protects, supports immune system function
– NCBI: Antiviral activity of an extract derived from roots of Eleutherococcus senticosus.
– Natural News: Elderberries make flu shots look like ridiculous poison cocktails
– Natural News: EXCLUSIVE: Natural News tests flu vaccine for heavy metals, finds 25,000 times higher mercury level than EPA limit for water
– Natural News: Germ vs Terrain Theory – Which Do We Adopt To Be Healthy?
– Science Natural News: Inhibition of 5-lipoxygenase and cyclo-oxygenase in leukocytes by feverfew. Involvement of sesquiterpene lactones and other components.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe