Notícias Naturais

Restringir a Ingestão de Sódio não Reduz a Pressão Arterial, Dizem PesquisadoresHá muito tempo acredita-se que a redução do seu consumo de sódio pode reduzir sua pressão arterial e seu risco de doença cardiovascular. No entanto, as novas descobertas que foram anunciadas na reunião da Biologia Experimental 2017, desafiaram essa longa sabedoria. Lynn L. Moore, professora associada de medicina da Escola de Medicina da Universidade de Boston, afirmou que as supostas conexões entre consumo de sódio, pressão arterial e doenças cardiovasculares “não foram bem compreendidas“. Moore chegou até mesmo a chamar a lógica de apoio às ligações como “falha”, como afirmado pelo site San Diego Union Tribune.

Em colaboração com outros pesquisadores, Moore estudou dados de mais de 2.632 participantes – com pressão arterial normal – do estudo Farmingham Offspring, um estudo de coorte cardiovascular em curso na cidade de Framingham, Mass. Ao longo de 16 anos, a equipe investigativa analisou o registro de dieta dos participantes, prestando muita atenção à pressão arterial sistólica (PAS) e diastólica (DBP). Eles também levaram em conta a atividade física, tabagismo, consumo de álcool, altura, idade e sexo.

Eles descobriram que aqueles que consumiram de 2.500 mg a 4.000 mg de sódio diariamente, tinham pressão arterial mais baixa do que aqueles cuja ingestão de sódio eram menor que 2.500 mg por dia. Adicionalmente, o mesmo grupo que apresentou uma pressão mais baixa, também foi observado ter níveis elevados de magnésio, potássio e cálcio. Em particular, as leituras mais baixas vieram dos participantes que ingeriram cerca de 3.717 mg de sódio por dia. Com base em suas descobertas, os pesquisadores concluíram que o sódio não era o único nutriente que tinha um efeito sobre a pressão arterial, nem era o mais importante. Os participantes que consumiram cerca de 3.211 mg diários de potássio também tiveram as medições de pressão arterial mais baixas. Nutrientes como potássio, magnésio e cálcio também podem desempenhar papéis na determinação de quão baixo e quão alta a pressão arterial se tornaria.

Não vimos nenhuma evidência de que uma dieta com menor teor de sódio tivesse efeitos benéficos a longo prazo sobre a pressão arterial. Nossos resultados adicionam à evidência crescente que as recomendações atuais para a ingestão do sódio podem estar erradas,” disse Moore, como relatado pelo site Eureka Alert. Em uma declaração separada, Moore também observou que, “Uma dieta baixa em sódio tem sido popularizada por algumas décadas, e eu acho que originalmente tinha a ver com a observação de que entre as pessoas com pressão alta, se você restringir a ingestão de sódio, sua pressão arterial realmente diminui. Acho que isso levou à inferência de que restringir o consumo de sódio em geral (entre o público) reduziria o risco de desenvolver a pressão alta“.

Os resultados apresentados por Moore contradizem a dose diária recomendada de 1.500 mg, conforme prescrito pela American Heart Association. Da mesma forma, o Dietary Guidelines for Americans 2015-2020 aconselha uma ingestão diária de menos de 2.300 mg de sódio. Para isso, Moore disse: “Espero que esta pesquisa ajude a reorientar as orientações dietéticas atuais para os americanos sobre a importância de aumentar a ingestão de alimentos ricos em potássio, cálcio e magnésio com a finalidade de manter uma pressão arterial saudável.

Além disso, Moore disse que restringir a quantidade diária de sal pode levar a efeitos prejudiciais para a saúde. Um deles é níveis elevados de renina, o que pode ser indicativo de hipertensão arterial maligna. Moore, em seguida, acrescentou: “Outros estudos têm mostrado que, se o colesterol sobe, os níveis de triglicérides sobem. Portanto, há uma série de efeitos sobre os fatores de risco conhecidos para as doenças cardíacas que são independentes da pressão arterial, que parecem ser ativados em um cenário de restrição de sal“.

Leia mais:

7 Ervas que Baixam a Pressão Arterial

10 Maneiras Naturais Super Eficazes para Controlar a Pressão Alta

Fontes:
Natural News: Restricting your sodium intake does NOT reduce your blood pressure, researchers find
– The San Diego Union Tribune: Higher sodium, lower blood pressure. You read that right.
– Eureka Alert: Low-sodium diet might not lower blood pressure
– App Core Apps: Low Sodium Intakes are Not Associated with Lower Blood Pressure Levels among Framingham Offspring Study Adults
– Health: Dietary Guidelines 2015-2020

1 Comment

  • juscelinoc disse:

    com serteza nao é o sodio e nem tao pouco o café pois os habitantes de vilcabamba equador, tem uma espectativa de vida de 100 até 120 anos na qual esses habitantes de vilcabamba faz uso em ecesso do cafè e sodio entao é preciso uma investigaçao aprofundada a resoeito destes dois viloeis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe