Notícias Naturais

Porque Tocar em Recibos Pode Prejudicar sua SaúdeGuardar seus recibos pode ser bom no sentido financeiro, mas pode prejudicar seriamente sua saúde.

Se você é como eu, você hesita no balcão de pagamento sempre que o operador do caixa lhe pergunta “você gostaria do seu recibo“? Se seu contador interno está vivo e bem, você ficará querendo guarda-lo, o que significa tocá-lo. Mas, por outro lado, se você já está ciente das informações deste artigo, a ideia de manusear um recibo térmico de impressora saturado de bisfenol A sem luvas, faz tanto sentido como manusear gasolina ou solventes de tintas sem proteção.

E se você é realmente “neurótico” como eu, você pode encontrar-se pensando sobre a saúde do operador de caixa, que, sem dúvida, manuseou recibos durante todo o turno, e continuará a estar exposto – muitas vezes inconscientemente – a uma dose significativa de bisfenol A em todo o período de seu emprego. É por isso que eu me estremeço em dobro quando recuso um recibo, porque eu percebo que o operador de caixa não tem ideia do porque eu faço isso, nem que ele sofreu uma exposição à substâncias químicas nocivas no próprio ato de oferecer o recibo para mim.

Tudo isso pode soar excessivamente cauteloso se já não tivesse sido provado que a exposição aos recibos de impressoras térmicas é uma das principais rotas através das quais nossos corpos se tornam contaminados com o produto químico sintético tóxico conhecido como bisfenol A (BPA), um potente disruptor endócrino, cancerígeno, neurotóxico e cardiotóxico químico, ligado a mais de 50 efeitos adversos à saúde. O BPA também é encontrado em passagens aéreas, gás e recibos de caixas automáticos, e no papel moeda que absorve o BPA contido dentro desses recibos, tornando a exposição diária ainda mais suscetível.


Produtos de Higiene naturais você encontra na Tudo Saudável
Leia também: Químicos Presentes em Pasta de Dente, Protetor Solar e Sabonete Podem Causar Infertilidade

Há outras variáveis ​​importantes que favorecem a quantidade que absorvemos deste produto químico. Por exemplo, a absorção de bisfenol é exponencialmente aumentada com o uso de produtos de cuidados da pele comerciais, os quais são principalmente compostos de ingredientes derivados quimicamente do petróleo, cuja toxicidade são também uma grande preocupação. Por exemplo, em 2014, um grande estudo publicado no PLoS intitulado, “Segurar papel de recibo térmico e comer alimentos depois de usar anti-séptico para as mãos, resulta em alto soro bioativo e níveis totais de bisfenol A (BPA) na urina,” descobriu que os higienizadores de mãos, bem como outros produtos de cuidados da pele, contêm misturas de produtos químicos que podem aumentar a absorção de compostos solúveis em gordura, tais como o BPA em até 100 vezes.

Leia também: [Estudo] Bisfenol A Causa 100 Vezes Mais Danos do que se Imaginava – Conheça Soluções Naturais para Atenuar os Efeitos Adversos

Há também o fato perturbador que 93% das crianças saudáveis com idade entre 3 e 15 meses ​​foram contaminadas com BPA sem causa conhecida de exposição ambiental, revelando o quão verdadeiramente generalizada a contaminação está, independentemente da exposição direta aos recibos de impressora térmica. 1

Agora, um novo estudo publicado na revista Environmental Health Perspectives, intitulado “Bisfenol A, bisfenol S, e 4-hidroxifenil 4-Isoprooxyphenylsulfone (BPSIP) presentes na urina e no sangue de operadores de caixas“, revela que o problema da exposição aos produtos químicos através de recibos de papel não está simplesmente relacionado com a exposição ao bisfenol A, mas também com outros análogos do bisfenol. Conforme temos visto o recente aumento dos produtos explicitamente rotulados como “livres de bisfenol A“, as indústrias que se tornaram dependentes da química estão agora substituindo-o pelo bisfenol S (e talvez outros bisfenóis) nestes produtos, apesar do fato de que possuem semelhante toxicidade. Esta situação é ainda mais perturbadora considerando a recente pesquisa que revela que o bisfenol S pode ser um disruptor endócrino 100 vezes mais potente do que o bisfenol A.

A classe química conhecida como bisfenóis inclui na verdade mais de uma dúzia de formas diferentes, incluindo os bisfenóis A, B, C, F, P. O novo estudo descobriu que os recibos de impressora continham entre 1 a 2% de BPA, BPS, ou BPSIP (uma variação do bisfenol S), em peso. As amostras de sangue e urina dos operadores de caixas foram avaliadas para os níveis de bisfenol em amostras de pós-turno em comparação com as amostras de pré-turno, verificando que os recibos continham entre 1 a 2% de BPA, PBS, ou BPSIP, em peso, e que os seus níveis de BPS foram significativamente maiores que os dos não operadores de caixa. Com base no perfil toxicológico dos operadores de caixa, o estudo concluiu que, “o papel de recibo térmico é uma fonte potencial de exposição ocupacional ao BPA, BPS, e BPSIP.

Então, o que você faz se você não deve tocar ou guardar seus recibos?

Uma maneira ‘intocável’ e fácil para registrar o recibo é tirar uma foto dele e enviar por e-mail para si ou para uma conta de e-mail especial que você criar para dar conta deles. Você também pode usar um dos muitos aplicativos de telefones que ajudam a fotografar e acompanhar seus recibos.

Além disso, considere que há pesquisas sobre maneiras naturais para diminuir a toxicidade do bisfenol. Temos uma lista de 13 substâncias naturais, incluindo o kimchi, geleia real, genisteína e chá preto, que foram mostrados para proteger contra esta substância tóxica onipresente.

Participe da discussão no Fórum Notícias Naturais.

Referências:

1.  K Mendonça, R Hauser, AM Calafat, TE Arbuckle, SM Duty. Concentrações de bisfenol A no leite materno materna e urina infantil. Int Arch Occup Environ Health. 5 de dezembro de 2012. Epub 5 de dezembro de 2012. PMID: 23212895

Leia mais:

BPA Bisfenol A Deixa Ratos Afeminados

 

ESTUDO: BPA (Bisfenol A) Deixa Ratos Afeminados

 

 

 

Governo Brasileiro Ignora o Perigo do BPA Bisfenol A

 

Governo Brasileiro Ignora o Perigo do BPA (Bisfenol A)

 

 

 

Fontes:
Green MedInfo: Why Touching Receipts Can Harm Your Health
– Green MedInfo: Bisphenol A
– NCBI: High levels of bisphenol A in paper currencies from several countries, and implications for dermal exposure.
– Green MedInfo: Let Food Be Your Cosmetic: Coconut Oil Outperforms Dangerous Petroleum Body Care Products
– NCBI: Holding Thermal Receipt Paper and Eating Food after Using Hand Sanitizer Results in High Serum Bioactive and Urine Total Levels of Bisphenol A (BPA)
– Environmental Health Perspectives: Bisphenol A, Bisphenol S, and 4-Hydroxyphenyl 4-Isoprooxyphenylsulfone (BPSIP) in Urine and Blood of Cashiers (PDF)
– Green MedInfo: Consumer Alert: BPA-Free Goods Still Contain Toxic Bisphenol
– Green MedInfo: Manufacturers Replace BPA with Still Highly Toxic BPS
– Green MedInfo: Bisphenol-A Toxicity
– Green MedInfo: Total BPA was detected in 93 % of this healthy infant population aged 3-15 months who are without known environmental exposure to BPA.

1 Comment

  • Rosa disse:

    Putz! A única maneira de não se contaminar neste planeta atualmente é morrendo,tudo está contaminado,esta é a única segurança que temos,aqui não há segurança é para vivermos perigosamente,portanto relaxe e aproveite!De nada adianta se preocupar.Ao nascermos esta é a única certeza,um dia partiremos.
    Na paz!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe