Notícias Naturais

A Mamografia é Prejudicial e Deve ser Abandonada Conclui EstudoConforme o Mês da Luta Contra o Câncer da Mama se aproxima, um novo estudo promete minar a multi-bilionária orgia do mercado relacionado que pastoreia milhões de mulheres a terem seus seios analisados contra o câncer com raios-x que são conhecidos por si mesmos por contribuírem para o câncer de mama.

Se você segue nosso site há algum tempo, você sabe que, nós frequentemente relatamos os efeitos adversos da mamografia, dos quais há muitos. Desde os riscos radiobiológicos e psicológicos do procedimento em si, aos enormes danos de diagnóstico e tratamento excessivos, está cada vez mais claro a cada dia que aquelas que se submetem ao exame mamográfico como uma “medida preventiva” estão realmente colocando-se diretamente em caminhos prejudiciais, desnecessariamente.

Agora, um novo estudo realizado por Peter C Gotzche, do Nordic Cochrane Centre, publicado no Journal of the Royal Society of Medicine e intitulado “Screening mamográfico é prejudicial e deve ser abandonado“, atinge o centro da questão, mostrando que o efeito atual de décadas de screening mamográfico não reduziu a mortalidade específica do câncer de mama, apesar de gerar milhões com a nova chamada “fase inicial” ou “fase zero” dos diagnósticos do câncer de mama.

Leia também: Neste Mês de Conscientização e Prevenção do Câncer de Mama, Não Pense Rosa – Pense Verde

A pesquisa anterior sobre o assunto feita por Gotzche resultou na descoberta de que o sobrediagnóstico ocorre em surpreendentes 52% das pacientes que o exane mamográfico é oferecido, o que equivale a “um em cada três cânceres de mama sendo sobrediagnosticados.” O problema com o sobrediagnóstico é que ele quase sempre passa despercebido. Isso, então, resulta em tratamento excessivo com intervenções agressivas como tumorectomia, mastectomia, quimioterapia e radiação; o sobretratamento é um termo eufemístico descrito como sendo severamente prejudicial e/ou por encurtar uma vida por tratamento médico desnecessário. Alguns destes tratamentos, como a quimioterapia e a radiação, podem realmente enriquecer as células-tronco cancerosas dentro dos tumores, alterando essencialmente as células de benignas para malignas, ou transformando as células cancerosas em fenótipos muito mais mortais.

Outra recente pesquisa determinou que os últimos 30 anos de triagem do câncer de mama tem levado ao sobrediagnósticos e sobretratamentos de cerca de 1,3 milhões de mulheres nos Estados Unidos, ou seja, os tumores que foram detectados no screening mamográfico, que nunca teriam levado a sintomas clínicos, nunca deveriam ter sido denominados “cânceres” em primeiro lugar. Verdade seja dita, o sofrimento físico e psicofísico forjado pelos danos do exame mamográfico do câncer de mama não pode sequer começar a ser quantificados.

Gotzche é muito claro sobre as implicações de sua avaliação sobre a decisão de se submeter à mamografia. Ele opina que o efeito do exame sobre a mortalidade, o qual é a única medida verdadeira se é uma intervenção médica válida, é para aumentar a mortalidade total.

Leia também: O uso Contínuo de Desodorantes e Antitranspirantes Pode Causar Câncer de Mama

Gotzche  resume suas descobertas vigorosamente:

O exame mamográfico foi promovido ao público com três promessas simples, sendo que todas parecem estar erradas: ele salva vidas e seios diagnosticando o câncer precocemente. O exame mamográfico parece não fazer as mulheres vivam mais tempo; ele aumenta as mastectomias; e os cânceres não são captados precocemente, eles são captados muito tarde. Eles também são captados em número demasiadamente elevado. Há tanto sobrediagnóstico que a melhor coisa que uma mulher pode fazer para diminuir seu risco de se tornar uma paciente com câncer de mama é evitar o exame mamográfico, o que irá diminuir o seu risco em um terço. Temos escrito um folheto informativo que existe em 16 línguas no site www.cochrane.dk, que esperamos que venha a tornar mais fácil para uma mulher tomar uma decisão informada sobre se deve ou não ir para a triagem.

Eu acredito que se o screening mamográfico tem sido uma droga, ele deveria ter sido retirado do mercado há muito tempo. Muitos medicamentos são retirados, embora eles beneficiem muitos pacientes, quando danos graves são relatados em alguns poucos pacientes. A situação com o screening mamográfico é o contrário: muito poucas, se existirem, vão se beneficiar, ao passo que muitas serão prejudicadas. Eu penso, portanto, que é conveniente que um organismo nacional designado na Suíça tenha agora recomendado que o exame mamográfico deve ser interrompido porque é prejudicial.  

Leia também: Dicas para Prevenir Doenças nos Seios

Estamos a apenas um mês do Mês da Luta Contra o Câncer da Mama, uma orgia de marketing, enfeitada com fitas cor de rosa, e infundido com uma mentalidade rosa que removeu inteiramente a palavra “agente cancerígeno”, ou seja a causa, da discussão. Tanto melhor para levantar mais bilhões para encontrar a “cura” que todos ouvem que ainda não existe.

As mulheres precisam se libertar da implacável mão do complexo industrial médico sobre seus corpos e mentes, e retomar o controle de sua saúde através da auto-educação e auto-capacitação.

 Participe da discussão no Fórum Notícias Naturais.

Leia mais:

mamografia

 

Exames de Câncer de Mama (Mamografias) não são tão Precisos ou Salvadores de Vidas como se Acredita

 

 

Abolir os Programas de Rastreamento pela Mamografia Uma Visão de Conselho Médico Suíço

 

Abolir os Programas de Rastreamento pela Mamografia? Uma Visão de Conselho Médico Suíço

 

 

 

Fontes:
Green MedInfo: Mammography Is Harmful & Should Be Abandoned, Review Concludes
Green MedInfo: How X-Ray Mammography Is Accelerating The Epidemic of Cancer
Green MedInfo: X-ray Mammography
Green MedInfo: ‘Hidden Dangers’ of Mammograms Every Woman Should Know About
JRSM: Mammography screening is harmful and should be abandoned
Green MedInfo: Are X-Ray Mammography Screenings Finding Cancers That Are Not There?
Green MedInfo: Millions Fall Prey To This Deadly Breast Cancer Myth
Green MedInfo: Chemo and Radiation Can Make Cancer More Malignant
Green MedInfo: Study: Radiation Therapy Can Make Cancers 30x More Malignant
Green MedInfo: 30 Years of Breast Screening: 1.3 Million Wrongly Treated
Green MedInfo: Millions Wrongly Treated for ‘Cancer,’ National Cancer Institute Panel Confirms
Green MedInfo: The Dark Side of Breast Cancer (Un)Awareness Month
Green MedInfo: Pinkwashing Hell: Breast Removal as a Form of “Prevention”

Posts relacionados:

23 Comments