Notícias Naturais

Um Terço dos Bebês já Jogam no Celular Antes de FalarMais de um terço dos bebês de 6 meses estão mexendo com os smartphones e tablets, inclusive antes de aprender a andar ou falar e até um ano de idade, um em cada sete crianças pequenas usam estes dispositivos durante ao menos uma hora por dia.

Assim revelou um estudo apresentado neste sábado na reunião anual da Pediatric Academic Societies dos EUA, realizada em San Diego, Califórnia.

A Pediatric Academic Societies desaconselha o uso dos meios de entretenimento como televisores, computadores, smartphones e tablets para crianças menores de 2 anos de idade, mas pouco se sabe quando os menores começam a usar estes dispositivos móveis.

Para o trabalho, foram recrutados pais de crianças de 6 meses a 4 anos de idade que se encontravam em uma clínica pediátrica que atende as comunidades de baixa renda.

Foram perguntado aos participantes sobre quais tipos de dispositivos possuíam em casa, idade que as crianças tiveram o primeiro contato com os meios de comunicação móveis, a frequência do uso, os tipos de atividades e se seu pediatra havia conversado com eles sobre o uso das novas tecnologias.

97% dos participantes tinham televisores, 83% tablets, 77% smartphones e 59% acesso à internet.

As crianças menores de 1 anos de idade foram expostas aos dispositivos de meios de comunicação em quantidades surpreendentes: 52% haviam visto programas de televisão, 36% haviam tocado ou rolado uma tela, 24% haviam ligado para alguém, 15% utilizaram aplicativos e 12% brincaram com jogos.

Leia também o post “Não é Autismo, é Ipad“, que mostra como inúmeros de pais que chegam a suspeitar que os filhos são autistas, sem perceber que o uso prolongado de tablets, joguinhos eletrônicos e celulares é que está dificultando o desenvolvimento da comunicação das crianças.

Das crianças de 2 anos de idade, a maioria estava fazendo uso dos dispositivos móveis. “Não esperávamos que as crianças estivessem utilizando os dispositivos desde os 6 meses de idade. Algumas crianças usavam a tela por até 30 minutos”, ressalta a principal pesquisadora do estudo, Hilda Kabali, residente do terceiro ano do departamento de pediatria do Einstein Healthcare Network.

Os resultados também mostraram que 73% dos pais deixam seus filhos jogar com os dispositivos móveis enquanto fazem as tarefas domesticas, 60% enquanto trabalham, 65% para acalmar uma criança e 29% para fazer uma criança dormir.

O tempo gasto com os dispositivos aumenta com a idade, 26% das crianças com 2 anos e 38% das crianças com 4 anos de idade utilizam dispositivos durante ao menos uma hora por dia. Apenas 30% dos pais disseram que o pediatra de seus filhos haviam conversado com eles sobre o uso dos meios de comunicação.

Leia mais:

Wi-Fi é Mais Perigoso do que se Pensava para as Crianças

 

[Estudo]: Wi-Fi é Mais Perigoso do que se Pensava para as Crianças

 

 

 

Os 5 Principais Celulares com a Mais Alta Radiação

 

[Estudo] Os 5 Principais Celulares com os Maiores Níveis de Radiação Cancerígena

 

 

 

Fontes:
Periodiosmo Alternativo: Un tercio de los bebés ya juega con el móvil, antes de hablar
– HispanTV: Un tercio de los bebés ya juega con el móvil, antes de hablar
– AAP News: Babies as young as 6 months using mobile media

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe