Notícias Naturais

Carta Secreta do Whistleblower do CDC à Gerberding  Como a Mídia Censura Desesperadamente a HistóriO denunciante (whistleblower em inglês) do CDC (Centro de Controle de Doenças dos EUA), que se apresentou com a prova de que o CDC escondeu com conhecimento de causa ​​a evidência científica que liga a vacina MMR ao autismo, agora foi revelado como send William W. Thompson, PhD.

O Natural News teve acesso a uma carta de William Thompson à ex-chefe do CDC Dra. Julie Gerberding, datada em 02 de fevereiro de 2004. A data desta carta é importante porque uma reunião principal do Instituto de Medicina (IoM) sobre a segurança da vacina ocorreu apenas uma semana depois, no dia 9 de fevereiro. (Veja a carta na íntegra abaixo).

Nesta carta, William Thompson diz que “apresentará o resumo de nossos resultados do estudo de controle de casos de autismo no Metropolitan Atlanta“, e lamenta que os dados mostrarão que as vacinas MMR causam um aumento de risco de autismo em bebês em fase inicial afro-americanos. Ele explica: “Eu vou ter que apresentar vários resultados problemáticos relativos às associações estatísticas entre a fórmula da vacina MMR e o autismo.

Ele passa então a implorar à Dra. Gerberding para responder às questões que haviam sido levantadas pelo “representante David Weldon” em relação à integridade dos cientistas do CDC que trabalham no programa de imunização. Ele também explica que o CDC tem escondido a verdade sobre os problemas de segurança documentados a respeito das vacinas dos próprios cientistas da agência, dizendo:

“Eu tenho dito repetidamente às pessoas no National Immunization Program Office of Directors ao longo dos últimos anos, que eles estão fazendo um trabalho muito pobre representando as questões de segurança da imunização e que estamos perdendo a guerra das relações públicas.”

Em resposta a esta carta, o CDC entrou em ação deliberada para alterar retroativamente o resultado do estudo de autismo eliminando arbitrariamente a maioria das pessoas do estudo, diminuindo assim o tamanho da amostra a um pequeno conjunto de dados que não atingiu significância estatística. Este é um caso claro e irrefutável da fraude científica. Esta fraude permitiu que os cientistas do CDC, como Colleen Boyle testemunhasse perante o Congresso que não havia “nenhuma ligação verdadeira” entre as vacinas MMR e o autismo.

 

CDC-Gerberding-Warning-Vaccines-Autism.jpg (1024×1326)

CNN foi pega descaradamente censurando a história do denunciante do CDC  

A grande mídia está fazendo tudo o que estiver ao alcance para tentar apagar da memória esta notícia de última hora. Quando um jornalista cidadão postou os fatos da história em uma página do CNN iReport, a CNN rapidamente a removeu para evitar que o público informe-se com a verdade sobre esse momento extraordinário na história da medicina.

A história já foi repostada em outra página do CNN iReport, a qual será, sem dúvida, censurada e retirada pela CNN rapidamente. Mas aqui está a captura de tela do que esta página mostrava no momento da redação deste artigo:

Todas as outras fontes de notícias da mídia, incluindo o The New York Times, The Washington Post, USA Today, etc, foram ordenados para censurar deliberadamente esta história, assim como o Natural News informou na semana passada. Há uma tentativa desesperada agora em curso para silenciar o denunciante do CDC e varrer toda esta história para debaixo do tapete antes que ela exploda além do controle nos meios de comunicação.

O que a mídia verdadeiramente independente tem a dizer sobre a massiva mídia que esconde

Aqui estão algumas das reportagens independentes sobre o que está ocorrendo agora:

Do site The Truth Barrier

A CNN agora é abertamente cúmplice no apagão da mídia na história em desenvolvimento do denunciante do CDC, o Dr. William Thompson, que se adiantou e revelou que ele tinha participado na preparação de dados tentando minimizar a verdade sobre a toxicidade da vacina MMR em crianças e o aumento do risco de desenvolver autismo. 

Ontem, na página “iReport”, da CNN, a história foi postada. Desde de ontem à noite, o artigo teve 45.232 visualizações, 178 comentários, (na maioria de pessoas literalmente implorando para que a CNN e outros meios de comunicação cobrissem a história), e um escalonamento de 17 mil compartilhamentos. Este é claramente o que chamamos de “digno de notícia “. 

No entanto, a CNN já excluiu a história, alegando que foi “sinalizada” por ser “uma violação” da política do iReport. Violação de quê? Políticas de apaziguamento da CNN em respeito a indústria de vacinas? 

Do site Jon Rappoport´s Blog:

CNN: O nome mais confiável em informação retorcida.

A sede da CNN está à direita da rua do CDC em Atlanta, onde os dados da vacina MMR foram preparados, pisados e enterrados.

Eu acho que é incomodo demais para um repórter ou editor pegar um táxi e ir até lá e fazer algumas duras perguntas.

Bem, realmente não há perguntas a fazer, não é? A CNN e o CDC são os parceiros de dança “já perguntados e respondidos”, que podem ler as mentes uns dos outros.

Vacinas? Nunca conheci alguém que não ama. Os efeitos adversos? Danos? Nunca ouvi falar de tal coisa.

Do site Age of Autism:

Age of Autism Weekly Wrap: A Torrent of Leaks Reaches Flood Stage

Um Torrencial de Vazamentos Alcança o Estágio de Enchente

William Thompson do CDC, o denunciante para Brian Hooker no estudo MMR e principal autor de um outro sobre o mercúrio em vacinas, provavelmente arruinou mais que as férias de agosto de seus colegas no Hilton Head.

Mais amplamente, estes “vazamentos” no baluarte da sabedoria convencional têm vindo há muito tempo, e não apenas de pessoas internas com informações para compartilhar.

Estou falando de vazamentos tal como todos os pais de crianças do outro lado das estatísticas de risco elevado – injeções de MMR aos 12 meses, doença, regressão, autismo.

Vazamentos como pais que o viram com outras vacinas, em outros momentos – pais que estavam dispostos a compartilhar o que aconteceu para tentar evitar que o mesmo acontecesse novamente.

Vazamentos como o estudo original Verstraeten no CDC que encontrou um alto risco de autismo em crianças que receberam mais acetato de mercúrio no primeiro mês de vida, ao contrário de menos.

Vazamentos como o que o CDC encobriu a crescente taxa do autismo em Brick Township, NJ.

Vazamentos como todas as evidências de populações com pouca ou sem vacina com poucos ou nenhum caso de autismo. Vazamentos como a falta de vontade das autoridades da saúde pública de até mesmo estudar a questão.

Vazamentos como o caso Hannah Poling, onde o governo reconheceu que foi desencadeada pelo autismo, mas enterrado por ofuscação. Vazamentos como o estudo de questões não respondidas mostrando o autismo por todo o lugar em decisões “judiciais” de vacinas sem reconhecimento.

Vazamentos como os pais do SafeMinds identificando o autismo como uma “nova forma de envenenamento por mercúrio” mais do que uma década atrás.

Vazamentos como os cientistas da Merck que se apresentaram para dizer que a empresa falsificou dados para fazer a sua vacina contra a caxumba parecer eficaz.

Vazamentos como a conexão entre os primeiros casos de autismo relatados na literatura médica, em 1943, e a exposição das famílias para as novas vacinas com mercúrio etílico e fungicidas.

Vazamentos como o catastrófico caso de amor de meio século entre a indústria médica e o mercúrio, que deveria ter terminado muito antes da onda do autismo começar a levar embora as crianças da América.

Vazamentos como o mais óbvio de todos – a explosão do autismo e o programa de vacinas ao mesmo tempo que o Congresso deu aos fabricantes de medicamentos corruptos da nação um passeio livre no tribunal, um passeio nas costas de crianças prejudicadas pelas vacinas da América e um obstáculo às suas famílias.

Esses vazamentos estão se tornando uma inundação, e a inundação uma onda, assim como a onda do autismo, e a onda está levando embora toda a parede de negação construída pelas mesmas pessoas que agora estão ficando sem dedos das mãos e dos pés para conectá-los a isso.

Leia mais:

cdc_vacina_autismo

 

 

Denunciante Confessa que o CDC Falsificou Dados Para Ofuscar a Ligação entre as Vacinas e o Autismo

 

 

Fontes:
Natural News: CDC whistleblower’s secret letter to Gerberding released by Natural News as mainstream media desperately censors explosive story
– CNN iReport: Fraud at the CDC uncovered, 340% increased risk of autism hidden from public
– The truth Barrier: CNN Complicit in Media Coverup of CDC Whistleblower
– Jon Rapopport´s Blog: CNN iReport on CDC whistleblower spreads like wildfire, then censored
– Age of Autism: Age of Autism Weekly Wrap: A Torrent of Leaks Reaches Flood Stage

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe