Notícias Naturais

A Deficiência de Vitamina D Provoca Ganho de PesoNotícias Naturais

Durante anos, a equação matemática oferecida para aqueles que estão tentando perder peso parecia bastante simples: Queime mais calorias do que você consome. Muito fácil, certo? Infelizmente, como acontece com quase tudo sobre o corpo humano, não é tão simples assim. Ao longo dos anos, cada vez mais as evidências científicas confirmam o que muitos de nós já suspeitavam o tempo todo – que comprova que o ganho e a perda de peso é afetado por muitos, muitos fatores. Entre eles: genética, sexo, idade, os hormônios, níveis de estresse, exposição a toxinas e muitas condições de saúde. Mesmo fatores sociais e ambientais podem entrar em jogo.

A deficiência de vitamina D provoca ganho de peso

Mais do que um dos mais recentes estudos sobre o ganho de peso o associou a uma deficiência de vitamina D. Um estudo publicado pelo The American Journal of Clinical Nutrition (AJCN) (1) constatou que as mulheres cujos níveis de vitamina D no sangue atingiram níveis saudáveis ​​através da suplementação durante uma dieta e programa de exercício perderam mais peso do que aquelas com baixos níveis de vitamina D no sangue. Outro estudo, também publicado pelo AJCN (2), mostrou que os benefícios da perda de peso – redução da pressão arterial, redução dos níveis de açúcar e insulina no sangue, e redução dos níveis de lipidos (ou lipídeos) no sangue – foram aumentados em participantes que tomaram cálcio e vitamina D durante o seu programa de perda de peso. Ainda assim, um outro estudo, publicado em pelo Science Natural News (3), mostrou que as pessoas de ascendência indiana asiática eram muito mais suscetíveis à obesidade e resistentes à insulina quando eram deficientes em vitamina D.

A ligação entre a vitamina D e a perda de peso  não é claramente compreendida. Alguns cientistas especulam que receptores especiais de vitamina D nas células de gordura as informam de que elas devem ser queimadas como energia ou armazenadas como excesso de peso no corpo. As células receptoras do cérebro que controlam o metabolismo e níveis de fome podem também precisar de vitamina D para funcionar corretamente.

Tem sido demonstrado também que a vitamina D reduz a inflamação sistêmica que está associada com excesso de peso. Assim, mesmo se você não consiga perder tanto peso como você gostaria, com níveis adequados de vitamina D você diminui o estresse em seu corpo e, portanto, os efeitos nocivos do peso extra.

Outros fatores da deficiência de vitamina D a serem considerados

Além do ganho de peso, a deficiência de vitamina D tem sido associada a várias outras doenças, algumas das quais podem também levar a obtenção de quilos extras. Por exemplo, baixos níveis sanguíneos de vitamina D têm sido associados à depressão, e a fadiga e apatia da depressão podem levar à inatividade que pode, por sua vez, contribuir para o ganho de peso . A deficiência da vitamina D também tem sido associada ao mau controle de açúcar no sangue no corpo. Isto pode contribuir para o ganho de peso e o risco de desenvolvimento de diabetes.

Condições graves tais como a artrite reumatoide (AR) e esclerose múltipla (EM), também têm sido associadas a níveis inadequados de vitamina D, e a inatividade resultante pode conduzir ao ganho de peso, que por sua vez, pode aumentar os sintomas de ambas as condições. Ambos AR e EM são por vezes tratados com prednisona, um corticosteroide cujo efeitos colaterais incluem ganho de peso.

As melhores fontes

De acordo com o The World’s Healthiest Foods (4), as melhores fontes alimentares de vitamina D incluem peixes gordurosos, como o bacalhau, atum, cavala e salmão. O leite de vaca e ovos também têm vitamina D. Alguns cogumelos, especialmente se eles foram expostos à luz ultravioleta, também são uma boa fonte desta importante vitamina.

Enquanto a sua pele pode fabricar a vitamina D da luz solar, muitos fatores podem retardar esse processo: a estação, o clima, a localização geográfica que você vive, os níveis de poluição e até mesmo o uso de protetor solar. A maioria das pessoas terá que tomar suplementos alimentares para alcançar os níveis recomendados.

Outras dicas de perda de peso

Não há pílula mágica quando se trata de fazer dieta. Mesmo que a adição de suplementação de vitamina D à sua rotina possa ser um grande primeiro passo para a perda de quilos indesejados, não se esqueça de fazer outras mudanças sensíveis em seu estilo de vida também. Tente fazer pelo menos 30 minutos de exercícios cinco ou seis vezes por semana, por exemplo. Você também deve cortar açúcares processados ​​de sua dieta e comer muitas frutas, legumes e grãos integrais. Substitua as gorduras animais em sua dieta também – tais como aquelas encontradas na carne vermelha, leite e queijo, e use óleos poli-insaturados e monoinsaturados, como os encontrados no azeite de oliva e abacates.

Participe também da discussão no Fórum de Discussões Notícias Naturais!

Referências:

1) The American Journal of Clinical Nutrition: Vitamin D3 supplementation during weight loss: a double-blind randomized controlled trial

2) The American Journal of Clinical Nutrition: Supplementation with calcium + vitamin D enhances the beneficial effect of weight loss on plasma lipid and lipoprotein concentrations

3) Science Natural News: Poor vitamin D status may contribute to high risk for insulin resistance, obesity, and cardiovascular disease in Asian Indians

4) The World´s Healthiest Foods: Vitamin D

Leia mais:

 

 

Quinze Fatos que Você Provavelmente Nunca Soube sobre Vitamina D e Exposição Solar

 

 

 

 

A Vitamina D Reduz as Cáries pela Metade

 

 

 

 

 

[VIDEO] Vitamina D – A Cura Proibida

 

 

 

Fontes:
Notícias Naturais: [Estudos] Deficiência de Vitamina D Provoca Ganho de Peso
– Natural News: Vitamin D deficiency causes weight gain; here’s how to drop the pounds effortlessly by boosting your vitamin supplementation

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe