Notícias Naturais
Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+50Email this to someone

4 Toxinas Mais Perigosas para o CérebroNotícias Naturais

Uma mente saudável é uma coisa terrível de se perder, mas devido a produtos químicos sintéticos, a ameaça de destruição da função cerebral está sempre presente. Estes são, potencialmente, os criminosos mais ofensivos para a mente, mas a boa notícia é que existem maneiras fáceis de evitá-los.

Flúor

A decisão de adicionar flúor para a maioria dos sistemas de água potável pública como uma forma de combater a cárie dentária, possivelmente teve o efeito mais insidioso e generalizado sobre os cérebros das pessoas em todo os EUA e muitos outros países como o Brasil.

A Fluoride Action Network (FAN) relatou em um estudo que constatou que o flúor está ligado ao QI mais baixo, mesmo com as faixas adicionadas ao abastecimento de água nos Estados Unidos. Ao todo, a FAN disse agora que 34 estudos associam o flúor com a diminuição dos níveis de QI em humanos, enquanto muitos outros estudos ligam o flúor à aprendizagem e perda de memória, danos ao cérebro fetal e função neurocomportamental alterada.

Um estudo patrocinado pela UNICEF constatou que o QI foi reduzido em apenas 0,88 mg por litro de flúor, um nível que é considerado dentro da faixa ideal e é adicionado aos sistemas norte-americanos de água potável que atendem mais de 200 milhões de americanos todos os dias.

A remoção do flúor de seu abastecimento de água é muitas vezes tão simples como a instalação de um filtro de água de alta qualidade.

No Brasil, a Lei no 60507 de 24 de maio de 1974 regulamentou a prática da fluoretação da água. Esta lei afirma no seu artigo 1:

“Os projetos destinados à construção ou à ampliação de sistemas públicos de abastecimento de água, onde haja estação de tratamento, devem incluir previsões e planos relativos a fluoretação da água, de acordo com os requisitos e para os fins estabelecidos no regulamento desta Lei;”

Segundo a Portaria no. 635 de 26 de dezembro de 1975, a concentração de fluor na água deverá variar entre 0,6 até 1,7 mg/l, dependendo da temperatura média diária.

Leia também:
 [FILME] A Farsa do Flúor – (The Fluoride Deception)
– Estudo: Exposição ao Flúor pode Reduzir a Inteligência das Crianças
– Estudo da Universidade Harvard Relaciona o Flúor na Água com o Autismo, Desordens Mentais e TDAH

Metais pesados

Os metais pesados ​​são toxinas especialmente sinistras que não são facilmente removidas, mas são comuns nos corpos e cérebros de milhões graças à vacinas, procedimentos odontológicos, produtos químicos agrícolas, a poluição industrial, peixe, frango e muito mais.

Aqueles mais suscetíveis ao dano cerebral traumático devido ao mercúrio são os recém-nascidos que ainda têm de desenvolver adequadamente sua barreira hematoencefálica e são geralmente submetidos a um intenso programa de vacinação que injeta mercúrio diretamente em seus corpos. Em bebés com uma susceptibilidade genética, tais como um defeito de enzimas responsáveis ​​pela desintoxicação de metais pesados, exposição ao mercúrio pré-natal e pós-natal leva a danos neurológicos, resultando em sintomas de autismo.

Robert Nash, MD, também sugere que os efeitos tóxicos do mercúrio podem causar um amplo espectro de doenças relacionadas com o cérebro, incluindo o autismo, Alzheimer, esclerose lateral amiotrófica, esclerose múltipla, mal de Parkinson e doenças do neurodesenvolvimento.

Para garantir que você não sofra qualquer futura intoxicação por metais pesados, evite a vacina contra a gripe, obturações com mercúrio e produtos químicos, e tome as precauções de segurança ao consumir frutos do mar.

Leia também: [ÁGUA TÓXICA] Até 13 metais pesados, 13 solventes, 22 agrotóxicos e 6 desinfetantes na água que você bebe


Pasta de Dente sem Flúor Oralin Você Encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais
Adoçantes artificiais

A ânsia por adoçantes com zero calorias produziu o advento de adoçantes artificiais e os seus efeitos negativos sobre o cérebro têm sido bem documentados. Eles são encontrados em refrigerantes, iogurtes, gomas de mascar, molhos de cozinha, adoçantes de mesa, água com sabor, cereais e produtos sem açúcar.

O aspartame é uma combinação de produtos químicos, ou seja ácido aspártico (um aminoácido com efeitos excitatórios sobre as células do cérebro), metanol e fenilalanina, e os cientistas estão os colocando no topo da lista de substâncias consideradas tóxico. Quando o aspartame se decompõe, produz um composto que é uma poderosa substância química causadora de tumor cerebral.

Noventa diferentes sintomas têm sido documentados como resultado do consumo de aspartame, incluindo ataques de ansiedade, fala atrapalhada, depressão e enxaquecas.

Evite adoçantes artificiais lendo os ingredientes e evitando os produtos acima. A FDA  recentemente também aprovou o chamado aspartame AminoSweet, então cuidado com esse ingrediente também. Não se deixe enganar pelos adoçantes contendo sucralose, uma vez que estudos mostraram que ele tem efeitos neurotóxicos.

Procure utilizar adoçantes naturais como os a base de Stevia ou o açucar de coco.

Leia também: [ASPARTAME] Documentário: Doce Miséria: Um Mundo Envenenado

Glutamato monossódico (GMS)

O GMS é uma forma de sal concentrado adicionado aos alimentos para realçar o sabor. Foi usado pela primeira vez em rações militares para dar-lhes um sabor melhor, mas logo foi adotado por toda a indústria alimentícia.

Dr. Blaylock, um notável neurocirurgião e perito em excitotoxinas como o GMS, descobriu que haviam danos silenciosos ao cérebro, e com o tempo ele viu a destruição de grandes porções do cérebro que poderiam causar a doença de Alzheimer, o mal de Parkinson e outras doenças cerebrais.

Leia também:
 Glutamato Monossódico (GMS) – Ligado a Ganho de Peso e Obesidade
– Glutamato Monossódico (GMS): O Sabor Que Mata

A melhor maneira de evitá-lo é parar de comer alimentos processados, ou procurá-lo nos ingredientes, principalmente como o glutamato monossódico ou extrato de levedura .

————————————–

– Curta a página do Site Notícias Naturais no Facebook:
https://www.facebook.com/NoticiasNaturais

– Participe de nosso grupo Notícias Naturais no Facebook:
https://www.facebook.com/groups/noticiasnaturais

Participe também da discussão no Fórum Notícias Naturais!

Leia mais:

 

 

Estudo: Exposição ao Flúor pode Reduzir a Inteligência das Crianças

 

 

 

 

Estudo: Baixos Níveis de Arsênio Podem Prejudicar a Inteligência e o Raciocínio de Crianças

 

 

 

 

Aspartame em Refrigerantes Diet Ligado a Mortes Prematuras em Mulheres

 

 

 

 

Glutamato Monossódico (GMS): O Sabor Que Mata

 

 

Fontes:
Notícias Naturais: As 4 Toxinas Mais Perigosas para o Cérebro
Natural News: Four most dangerous toxins to the brain
– Dr. Mark Hyman: How to Rid Your Body of Heavy Metals: A 3-Step Detoxification Plan
– Natural News: Yet more studies link fluoride to brain damage
– Natural News: The link between aspartame and brain tumors: What the FDA never told you about artificial sweeteners
– Science Natural News: Scientific studies on Fluoride

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+50Email this to someone

Posts relacionados:

21 Comments

  • Sylvio Sergio do Canto Pereira disse:

    Parabéns pela publicação e e peço

    como médico que sou não esquecerem de mim.

    Saúde e Paz

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Parabéns Dr. Sylvio, gostei de saber desse envenenamento em massa da raça humana, é triste que nascemos e estamos vivendo neste ambiente industrializado, e sem que possamos nos dar conta estamos procurando conforto e bem estar, e ao mesmo tempo nos arriscando a abreviar nossa passagem neste planeta maravilhoso. Obrigado pela informação .

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Janaíse Shiguetaka disse:

    Muito bom, parabéns pelo post!

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Claudia Abu - Jamra disse:

    Maravilhoso e importante documento. Já havia desconfiado de certas substâncias pelas diversas reações em meu organismo. Isto deveria ser,divulgado como vírus!!! Vou compartilhar. Obrigada pelas explicações.

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Sérgio Resende disse:

    Muito bom!tenho pesquisado sobre o tema e existem maneiras de desintoxicação dos metais pesados e outras toxinas o mms faz isso de maneira a restabelecer um organismo livre de patogenicos e de metais pesados. Vale a pena pesquisar este aliado para a saúde. Nunca deveria ter sido aplicação o fluor na água sobre pretesto de melhorar nossa água ou evitar cáries. E pura mentira!

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • maria isabel disse:

    Maravilha de informação , pena que vai ser difícil fazer com que minha família entenda a importância dessas mudanças , quero saber mais … obrigada isabel.

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • WILLIAM disse:

    Olá Sergio!

    Agradeço pelas informações, o que seria o mms?

    Obrigado

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • célia santiago disse:

    faz toda a diferença a informação do que não é pão !!

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Marli Hernandez disse:

    Hola,
    Tenho Hipotireoidismo e nao devo tomar agua com fluor e tambem acredito que os metais realmente fazem um trabalho negativo no nosso metaboolismo.
    Sabe dizer se existe alguma “marca” de agua, sem fluor e metais? ou algum tratamento natural para retira-los da agua?
    Obrigada

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

    • Cleodon Feliciano de Araújo Filho disse:

      Tome SUCO DE AGRIÃO para a Tireóide, faça um molho de agrião, limonada com agrião, use agrião em toda a comida diariamente que os problemas tireoidanos serão gradativamente eliminados

      Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • mariana disse:

    Ola!
    e onde eu posso comprar agua sem flúor?

    agradeço

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • karen disse:

    Esse site é muito esclarecedor. Obrigada pela ajuda Em tentar nos livrar dessas substâncias que nos matam lentamente e destroem nossa vida.

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Edson Zanotto disse:

    Ótima reportagem. Parabéns. Só queria acrescentar outro grande inimigo do cérebro. Citando parte do texto acima:
    “Aqueles mais suscetíveis ao dano cerebral traumático devido ao mercúrio são os recém-nascidos que ainda têm de desenvolver adequadamente sua barreira hematoencefálica”. O que dizer então de algo invisível, sem cheiro a que todos estão expostos, quer queiram ou não, sem opção de escolha que é poluição eletromagnetica (eletrosmog) que causa danos na barreira hematoencefálica (blood brain barrier), e que aumentou mais de 10.000% nos últimos 10 anos, devido a propagação de antenas de telefonia celular, comunicações sem fio, roteadores wi-fi, buetooth. Nao podem negar que a radiação produzida por esses dispositivos causa danos na barreira hematoencefalica. No entanto oficialmente é negado que cause doenças. Há aí uma grande contradição. Veja esse relatório sobre os danos na barreira hematoencefalica produzidos pelas ondas eletromagneticas artificiais dos dispositivos wireless, em niveis de potencia muito baixos (sobre a barreira hematoencefalica “blood brain barrier” na Seção 10: http://www.bioinitiative.org/table-of-contents/

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Sonia Brilha disse:

    Como se pode retirar o Flúor da água, se, como você afirma,é muito simples, por favor?????
    Muito obrigada.

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Sonia Brilha disse:

    Como retirar o Flúor da água, por favor??

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Haroldo pinto ramos disse:

    Isso tem tudo a ver co artrite reumatoide e artrose.metais pesados

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • Alvaro Aquino disse:

    Desde os tempos de Hitler, o cloro é adicionado à água com tal finalidade. Não é a toa que os ditadores exerciam tanto domínio sobre as multidões.

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

  • edson Ribeiro disse:

    E qto a tirar o flúor da água? Como proceder?

    Curtiu ou não o comentário?: Positivo 0 Negativo 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe