Notícias Naturais
Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+8Email this to someone

ciclamato-de-sódioApós ter postado o artigo sobre o aspartame alguns dias atrás: “Aspartame: O gosto doce vale a pena os danos causados??”, que gerou muito interesse, alguém me enviou um email perguntando sobre o Ciclamato de Sódio, um outro tipo de adocante. Eu não conhecia então resolvi fazer uma rápida pesquisa.

O ciclamato é um adoçante artificial, de 30 a 50 vezes mais doce que o açucar. Ele foi descoberto por acaso em 1937 quando um estudante pesquisando medicamentos anti-febre colocou seu cigarro sem querer no produto e quando colocou o cigarro de volta a boca descobriu o gosto doce do ciclamato.

A patente foi comprada pela DuPont e mais tarde vendida para os laboratórios Abbott.

Em 1958 foi aceito como “Usualmente Reconhecido como Seguro“, mas em 1966 um estudo reportou que o ciclamato produzir a Ciclo-hexilamina, composto tóxico em animais. Outro estudo em 1969 mostrou que o ciclamato aumentava a chance de câncer na bexiga em ratos. Outro estudo ainda mostrava casos de atrofia testicular em ratos.
Em 1969 o FDA baniu a venda do ciclamato nos Estados Unidos.

A ANVISA, no entanto, em seu informe técnico entitulado “Esclarecimentos sobre o uso do edulcorante ciclamato em alimentos“, diz que as normas brasileiras sao regidas com base no Codex Alimentarius (Norma Geral de Aditivos Alimentares – GSFA), elém de outras. De acordo com o Codex, o limite máximo para o ciclamato é de no máximo 330 mg para crianças e 660 mg para um adulto de 60 quilos. A mesma norma cita que a dose de consumo diário máxima indicada é de 100mg por quilo, relativo ao efeito de atrofia testicular. O limite máximo de 1300 mg por quilo corpóreo, estabelecido em 2001, foi reduzido em 2008 para 400 mg por quilo corpóreo, de acordo com a RDC 18/2008

Stévia pelo menor preço você encontra aqui

Ainda assim o ciclamato é proibido nos EUA.

O ciclamato é também conhecido como o edulcorante E952.

No Brasil, os adocantes Sucaryl e Assugrin contém ciclamato. De acordo com o site Sua Dieta da UOL, temos ainda o Dietil, Doce Menor, Tal e Qual e Zero-cal. Estes contém ainda a sacarina sódica, que misturada ao ciclamatoaumenta a incidencia de câncer em ratos.

Fontes:
Introduction to organic laboratory techniques: a small scale approach
ANVISA: Esclarecimentos sobre o uso do edulcorante ciclamato em alimentos
Wiki Answers: What are the side effects of sodium cyclamate?

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+8Email this to someone

Posts relacionados:

12 Comments

1 Trackback or Pingback

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Suporte nosso site
Social PopUP by SumoMe