Notícias Naturais
Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someone

Vejo em vários lugares na imprensa brasileira afirmacões intermináveis de que o esqualeno é seguro, que até temos ele em nosso corpo e alguns indo mais além dizendo que ele realmente realmente faz bem quando injetado.

O esqualeno é um composto químico que ocorre na natureza e até mesmo nosso corpo o produz, isto é realmente verdade. O esqualeno é também vendido em lojas de produtos naturais como óleo de tubarão. Isto é claro, é como a OMS e as autoridades brasileiras de saúde mostram o inofensivo esqualeno. A questão é que ingerir o esqualeno é incomparável a injetá-lo. Pegue por exemplo, o ácido estomacal. Ele é um ácido super forte, que nós não podemos viver sem, mas você não iria querer que alguem injetasse este ácido no seu braco.

À primeira vista, ele parece bom e até mesmo parece fazer sentido. No entanto, o esqualeno tem história.

Na Guerra do Golfo, vários veteranos foram vacinados contra o vírus Anthrax, que continha esqualeno. Isto causou a Síndrome da Guerra do Golfo, que devastou as vidas de muitas vítimas, causando limphodenopatia, artrite rematóide, danos ao sistema nervoso, fatiga crônica, fibromialgia, lupus, lesoes na pele incuráveis, perda de memória, convulsões, Syndrome de Sjogren, doença de Raynaud, dores de cabeça crônicas, esclerose múltipla, entre outros problemas.

A OMS no intanto afirma que agora sabe-se que esqualeno não foi adicionado ao vacinas administradas a esses veteranos, e aponta deficiências técnicas no relatório que sugere uma associação causal.

Em 2000 um estudo publicado no “American Journal of Pathology” demonstrou que uma única injeção do adjuvante esqualeno em ratos desencadeou uam inflamação crônica nas articulacoes, também conhecida como artrite rematóide.
Existem ligações também do esqualeno com artrite rematóide, por este forçar uma alta resposta do sistema imunológico por longos períodos.

The Endogenous Adjuvant Squalene Can Induce a Chronic T-Cell-Mediated Arthritis in Rats
http://ajp.amjpathol.org/cgi/content/abstract/156/6/2057

Estes estudos a seguir mostram que praticamente todas as pessoas (95%) com os sintomas da Síndrome da Guerra do Golfo tinham anti-corpos contra o esqualeno e haviam sido vacinadas com a vacina contra o Anthrax que continha esqualeno.

Antibodies to squalene in Gulf War syndrome.
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/10640454

Antibodies to squalene in recipients of anthrax vaccine.
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/12127050

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someone

Posts relacionados:

6 Comments